Leia também:
X Ministro da Educação garante realização do Enem 2020

O que todo estudante de arquitetura precisa saber

Confira dicas do que fazer para se tornar um excelente profissional

Pleno.News - 07/05/2020 16h42 | atualizado em 07/05/2020 16h44

A ansiedade de construir uma carreira de sucesso é realidade para estudantes de diversos cursos. O que não é diferente para o estudante de arquitetura. Seja você iniciante, veterano ou até mesmo alguém que procura orientação para a escolha universitária. São 4 ou 5 anos de curso pela frente e qualquer ajuda é bem-vinda, afinal muitas etapas por vir.

Por isso, não tem coisa melhor do que se preparar para conquistar seu espaço e garantir boa performance na universidade ou estágio. Veja então o que todo estudante de arquitetura precisa saber! Saiba o que fazer para se tornar um excelente arquiteto.

Arquitetura e engenharia devem trabalhar em conjunto
Muito se fala que o arquiteto lança o projeto e entrega para o engenheiro, a fim de que execute tudo. Mas se você pensa que isso é a pura verdade, está enganado. Tanto o conceito de arquitetura quanto o de engenharia devem ser integrados. E você precisa estar a par dos processos durante sua concepção, passo a passo.

Sendo assim, é importante aprender alguns fundamentos de engenharia para estar pronto a apresentar soluções competentes. Incluindo planos estruturais para parte elétrica e hidrossanitária, por exemplo.

Lembre-se que seu cliente conta com você e espera um trabalho bem feito. Se algum problema aparecer, não adianta culpar outro profissional; estude e se capacite para tal.

Os recursos para atuar são um diferencial
A tecnologia aponta como um facilitador para tarefas de ciências exatas e outras áreas. Ter ferramentas essenciais para projetar ideias, aprofundar seus conhecimentos e listar metas profissionais é investir no seu próprio portfólio.

Os recursos para atuar são um diferencial para o estudante de arquitetura. Invista em materiais como:

– Tablet, celular e câmera com alta definição – para fotografar espaços e fazer anotações;

Notebook eficiente para AutoCAD – contribuindo para elaboração de esboços e diversos softwares pesados;

– Calculadora científica – para cálculos de materiais, cargas e orçamentos;

– Trena eletrônica ou simples – importante para identificar medidas;

– Produtos de segurança – como capacete, óculos e luvas.

Você terá muito trabalho pela frente
Elaborar projetos dá bastante trabalho, mesmo com dispositivos excelentes a seu favor, serão horas de preparo. Porém, quanto melhor for a máquina e suas ferramentas, mais otimizados são os processos.

Cálculos, escopos, imagens e representações… nada de vida fácil, ok? Mas pense sempre no resultado de todo esforço, nas qualidades que se moldam em você a partir dos estudos. Não desanime e mantenha o foco até o fim!

Conheça cursos complementares
Quanto mais conhecimento adquirir com cursos específicos melhor fica seu currículo e portfólio. Com isso, é possível alcançar índices de destaque entre profissionais da área de arquitetura. Além de antever falhas catastróficas no andamento dos projetos através do aprendizado complementar.

Conheça cursos complementares em rede pública ou privada, presencial ou EAD. O importante é obter conhecimentos técnicos profissionalizantes para construir sua carreira.

Desenhar a mão faz parte
Não precisa ser um grande mestre de desenho para ser arquiteto, é verdade. Contudo, desenhar a mão faz parte, sendo imprescindível para aprimorar traços, se comunicar e praticar esboços e projetos. Por isso, carregue consigo lápis e papel vegetal. Faça rabiscos, ainda que iniciais; desenvolva sua criatividade e habilidade com ideias além do notebook ou mouse do PC.

Dimensões na faculdade x Dimensões em tempo real
Os projetos traçados na faculdade possuem dimensões menores do que poderá encontrar em tempo real na carreira. Isto é, enquanto estudante de arquitetura, provavelmente alguns erros não são tão notados ou difíceis de contornar. Já como arquiteto, as dimensões projetuais são outras. Podendo abranger quarteirões, ruas, prédios robustos e etc. Com isso, os erros podem queimar seu nome e impossibilitar novas oportunidades.

A fim de evitar que isso aconteça, mantenha seus estudos com dedicação e conheça seu cliente. Entenda o que ele deseja e as pretensões a partir da construção.

Estude sobre grandes arquitetos do passado
Ao ingressar na faculdade, a maioria dos estudantes possui suas próprias inspirações, em todas as áreas, não é mesmo? Conhecer a história do seu ramo é de extrema importância.

Estudar sobre arquitetos do passado, como Le Corbusier, Lúcio Costa e o renascentista Leonardo da Vinci, produz novas maneiras de pensar. Dando ainda mais gás para buscar conhecimento.

Ter diploma em arquitetura não garante riqueza necessariamente
Se você acha que sairá da faculdade com o diploma embaixo do braço, no seu carro do ano e uma mansão projetada por você, muita calma nessa hora! O momento é de pisar um pouco no freio e observar as oportunidades. A menos que você ganhe na loteria ou herde uma fortuna, toda conquista só vem após muito esforço e luta.

Antes disso, pense em tentar algumas noites bem dormidas, adquirir materiais fundamentais para um estudante de arquitetura e etc. Trace seus objetivos, estude bastante e corra atrás. Desenvolva seu portfólio e se torne primeiro um bom arquiteto.

Leia também1 Ministro da Educação garante realização do Enem 2020
2 Professores contam como se adaptam ao ensino à distância
3 MP dispensa escola de cumprir 200 dias letivos na pandemia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.