CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Estudante ruivo diz ser pardo e é aprovado em Medicina

Sobre o Enem, Weintraub diz que foi “chuva de fake news”

Ministro garantiu que o Enem deste ano será ainda melhor que o anterior

Rafael Ramos - 11/02/2020 13h28 | atualizado em 11/02/2020 15h46

Weintraub prestou esclarecimentos sobre correção do Enem Foto: Agência Senado/Geraldo Magela

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, prestou esclarecimentos sobre os erros nas correções do primeiro Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) promovido pelo governo Bolsonaro. Em reunião da Comissão de Educação realizada nesta terça (11), ele afirmou que houve problema na gráfica contratada com a impressão do livro de provas e o gabarito.

– Cinco mil e cem pessoas do universo de 4 milhões individualmente são relevantes, mas estatisticamente não é significativo. Quando falamos que estatisticamente não é significativo, significa que é zero o impacto – declarou.

O titular do MEC disse que muito notícias acerca das provas foram por pura maldade, distorção e mentira. Segundo Weintraub, essas informações falsas partiram de alguns parlamentares, grupos econômicos e famílias que “controlam 70% da mídia”.

– Esses grupos adotaram uma linha extremamente terrorista. Teve uma chuva de fake news, mas já estou acostumado. Foi o melhor Enem de todos os tempos com menor índice de problemas e de menor impacto. Não estou falando que não teve erro nenhum. Só tem um Enem que vai ser melhor do que o de 2019 é o deste ano – garantiu.

Leia também1 IBGE prevê safra recorde de grãos no Brasil em 2020
2 EUA retiram status do Brasil e 18 países em desenvolvimento
3 Em estágio de atenção, RJ tem previsão de mais chuvas

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo