Leia também:
X Recuperação Judicial irá ao Congresso próxima semana

Tesouro Direto lança simulador para investidores

Programa também criará curso online para investimento em títulos públicos

Henrique Gimenes - 18/09/2017 14h56 | atualizado em 18/09/2017 17h40

Tesouro Direto lança simular para auxiliar investidores Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O Tesouro Direto lança, na próxima quinta-feira (21), uma ferramenta que permitirá aos interessados em investir em títulos públicos fazer simulações para auxiliar a escolher a melhor aplicação para o dinheiro. O simulador irá escolher a melhor escolha baseado em perguntas feitas aos usuários.

O Tesouro Direto é um programa criado que permite a investidores realizar aplicações financeiras pela internet. A plataforma vende títulos do governo. A plataforma de simulação será disponibilizada pelo site do Tesouro Direto.

O lançamento da ferramenta é parte de uma campanha do governo que visa atrair mais investidores para o programa, chamada de “Transformação pelo conhecimento”. Ao acessar, o usuário responde quatro perguntas específicas: seu objetivo financeiro, o prazo em que pretende usar o dinheiro, o perfil de investir e a melhor forma de receber os investimentos.

Com as respostas, o título mais adequado ao perfil do usuário é apontado, assim como o valor que irá receber no resgate ou quanto precisará ser investido para alcançar o objetivo. Também será possível comparar os rendimentos com outras aplicações de investimento populares como poupança, títulos bancários (CDB e LCI/LCA) e fundo DI.

Além da ferramenta, o Tesouro Direto também irá abrir oito mil vagas para um curso de títulos públicos pela internet. O curso será dividido em três módulos, básico, intermediário e avançado. Metade das vagas será disponibilizada nesta segunda-feira (18). Duas mil serão disponibilizadas em outubro e as últimas duas mil em novembro. Para se cadastrar, é preciso acessar o site da Escola de Administração Fazendária.

 

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.