Para Maia, resultado do leilão do pré-sal foi ‘frustrante’

Governo conseguiu arrecadar cerca de R$ 70 bilhões

Pleno.News - 06/11/2019 17h30

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia Foto: Mateus Bonomi/Folhapress

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou, nesta quarta-feira (6), que o megaleilão do pré-sal teve resultados frustrantes. A expectativa do governo era arrecadar R$ 106,5 bilhões, mas conseguiu R$ 69,9 bi.

Ao falar com jornalistas, o parlamentar ressaltou que o resultado é ruim para estados e municípios, que irão receber menos do que o esperado.

– Infelizmente tivemos essa frustração no valor arrecadado no leilão. Inclusive, deve estar a ser uma frustração grande também para prefeitos e governadores que tinham expectativa de até ao dia 28 de dezembro receberam uma percentagem da ordem de 30% por parte Governo federal – ressaltou.

O governo colocou quatro blocos em leilão, mas apenas dois deles foram arrematados, Búzios e Itapu. Já as áreas de Atapu e Sépia não receberam nenhuma proposta.

As duas áreas do pré-sal foram arrematadas pela Petrobras, que ficou com 90% de Búzios (deixando 10% para parceiras chinesas) e 100% de Itaipu. Para Rodrigo Maia, o resultado é negativo, já que era esperado uma maior participação de empresas privadas.

– É uma informação negativa, sem dúvida nenhuma. Nossa expectativa era de uma participação maior do setor privado. O governo tinha uma expectativa de arrecadar mais de R$ 100 bilhões e foi frustrado. Agora vamos ouvir as análises, para que no futuro a gente não tenha o mesmo problema – apontou.

LEIA TAMBÉM+ 'Não há ponto inegociável no pacote econômico', diz Guedes
+ Megaleilão do pré-sal rende quase R$ 70 bilhões em bônus


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo