Leia também:
X Haddad fala em boicote a empresas por questões ideológicas

Microsoft anuncia demissão de 10 mil funcionários no mundo

A quantidade representa menos de 5% de todos os trabalhadores que atuam na empresa

Leiliane Lopes - 18/01/2023 15h24 | atualizado em 18/01/2023 16h21

Microsoft Foto: EFE/Ana Mengotti

A Microsoft anunciou que irá demitir 10 mil funcionários, em vários países, até o final do terceiro trimestre deste ano. A medida foi justificada pela reestruturação dos custos da receita da empresa.

A quantidade de demitidos representa menos de 5% da base de funcionários da companhia. A gigante dos computadores emprega mais de 220 mil pessoas no mundo.

As demissões começaram nesta quarta-feira (18) com a eliminação de cargos em algumas áreas; apesar disso, diz o comunicado, a empresa continuará contratando para áreas estratégicas.

– Continuaremos a investir em áreas estratégicas para o nosso futuro, o que significa que estamos alocando nosso capital e talento para áreas de crescimento secular e competitividade de longo prazo para a empresa, enquanto desinvestimos em outras áreas – diz parte do anúncio.

A Microsoft deixou claro que irá arcar com os custos das rescisões que deverão custar 1,2 bilhão de dólares. Para os funcionários dos Estados Unidos, a companhia se comprometeu a pagar indenização acima do mercado, cobertura de assistência médica contínua por seis meses, aquisição contínua de prêmios de ações por seis meses, serviços de transição de carreira e aviso prévio de 60 dias antes da rescisão.

Para os funcionários demitidos em outros países, os direitos e benefícios serão pagos de acordo com as leis trabalhistas de cada lugar.

Leia também1 CNBB repudia ações pró-aborto do governo e pede explicações
2 Humorista que imitava Dilma admite que não foi assaltado
3 Lula deve descumprir promessa sobre Imposto de Renda
4 STF: Lewandowski nega salvo-conduto para Bolsonaro e Torres
5 Perigo! Menina de 12 anos morre em desafio do TikTok

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.