Leia também:
X Caixa paga 1ª parcela do auxílio para novos aprovados

Guedes se mostra otimista: “Vejo um futuro brilhante”

Ministro diz que país deve retomar economia até novembro

Gabriela Doria - 16/06/2020 15h49

Ministro Paulo Guedes vê “futuro brilhante” para o Brasil Foto: PR/Marcos Corrêa

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou, nesta terça-feira (16), que está otimista com a economia do Brasil nos próximos meses. Mesmo com a crise imposta pela pandemia do novo coronavírus, Guedes diz que o Brasil irá “surpreender”.

– O Brasil vai surpreender e atravessar as duas [ondas de crise], o congresso está conversando e vamos prosseguir com as reformas – declarou durante um evento virtual do Instituto de Garantias Penais (IGP).

Guedes também destacou a importância das reformas para que a economia consiga corrigir os rombos fiscais.

– Se fizermos a reforma tributária de forma adequada, vão desaparecendo aqueles lobbies pela desoneração de um lado e aqueles contenciosos, que podem chegar a R$ 1 trilhão, do outro lado, que na verdade oneram o verdadeiro pagador de impostos – apontou.

Em seu ponto de vista, o modelo tributário atual onera excessivamente apenas um terço dos contribuintes.

– O contribuinte acaba tendo que pagar muito mais porque um terço está desonerado [por influência política] e o outro terço não paga porque prefere ir para a Justiça, fica só aquele um terço final de bons pagadores e pessoas sérias que acabam se sacrificando pagando impostos exorbitantes para não ter também os serviços de contrapartida – ponderou.

Ele defendeu o que chamou de “passaporte tributário”, em que o contribuinte pagaria um valor mais baixo para quitar seus débitos fiscais.

– Eu deixo você entrar nesse regime novo mediante um pequeno acerto de contas do passado […] temos que oferecer uma chance a quem quiser comprar esse passaporte a um preço moderado, baixo – explicou.

Segundo ele, a retomada econômica após a crise deve começar até novembro.

– Vejo um futuro brilhante porque é muito difícil a gente piorar, nosso viés cultural já nos botou num buraco, então nós vamos ter que melhorar – concluiu.

Leia também1 Guedes escolhe Bruno Funchal para o lugar de Mansueto
2 "Cumpriu sua missão", afirma Paulo Guedes sobre Mansueto
3 Mansueto Almeida, secretário do Tesouro, deixará o governo
4 Guedes diz que auxílio evitou "quebra-quebra" no Brasil
5 Renda Brasil deve promover revisão em outros benefícios

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.