Leia também:
X Corte de energia volta a valer para famílias de baixa renda

Guedes: “O presidente é popular, é muito diferente de populismo”

Ministro da Economia participa de Cerimônia do Decreto da CPR Verde, no Planalto

Thamirys Andrade - 01/10/2021 13h26 | atualizado em 01/10/2021 13h37

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes Foto: EFE/Joédson Alves

Em Cerimônia do Decreto da CPR Verde nesta sexta-feira (1°), o ministro da Economia, Paulo Guedes, celebrou os mil dias de governo e destacou o “duplo compromisso” da gestão Bolsonaro com os mais vulneráveis. De acordo com o economista, o presidente é “popular”, o que, em sua avaliação, é diferente de “populismo”.

– Esse duplo compromisso, com a saúde e, agora, com os vulneráveis. Temos que produzir uma solução para os combustíveis, mas sempre com duplo compromisso. O nosso presidente é popular; [isso] é muito diferente de populismo – declarou Guedes em evento no Palácio do Planalto ao lado do chefe do Executivo e de outros ministros.

Guedes previu crescimento de 5,5% da economia até o fim do ano e, ao elogiar a atuação da Pasta, criticou as gestões federais anteriores.

– O Brasil agora está virando economia de mercado forte, o que não era no passado, quando foi capturado por piratas privados, criaturas do pântano, burocratas corruptos. O Congresso, o Supremo… todos estão nos ajudando nessa tarefa de reconstrução – afirmou.

De acordo com as previsões de Guedes, os números serão melhores em 2022, e o Produto Interno Bruto irá aumentar “de novo”.

– Estamos confiantes [de] que o Brasil segue na trajetória de crescimento. Somos um time remando pelo Brasil – declarou.

Leia também1 Corte de energia volta a valer para famílias de baixa renda
2 Bolsonaro elogia iniciativa da Petrobras sobre o botijão de gás
3 BC comunica o vazamento de chaves Pix pelo Banco do Sergipe
4 Governo não vai voltar com o horário de verão, diz ministro
5 Senado adia votação do Marco das Ferrovias para próxima terça

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.