CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Diabética e hipertensa, idosa de 94 anos se cura da Covid-19

França alerta que Renault pode desaparecer com crise

Ministro das Finanças do país afirmou que governo estuda fazer empréstimo para a companhia

Paulo Moura - 23/05/2020 14h33 | atualizado em 23/05/2020 14h34

Renault corre riscos de desaparecer com crise do coronavírus Foto: Divulgação

A crise econômica causada pela pandemia de coronavírus e as medidas de fechamento da economia ameaçam uma das gigantes do setor automobilístico, a Renault. Segundo um ministro francês, a empresa pode desaparecer se não obtiver uma ajuda em breve.

Outra empresa do setor que está ameaçada é uma parceria da francesa, a japonesa Nissan. Segundo informações divulgadas pela imprensa do Japão, a companhia poderia demitir cerca de 20 mil funcionários, muitos deles na Europa. Vale lembrar que Renault e Nissan possuem uma parceria que já dura cerca de duas décadas.

Para tentar salvar a montadora francesa, o ministro das Finanças, Bruno Le Maire, disse que o país considera a possibilidade de emprestar 5 bilhões de euros para ajudar a Renault na crise.

– Sim, a Renault pode desaparecer – disse Maire à Rádio Europe 1.

O ministro também declarou na entrevista a fábrica francesa da Renault em Flins, no sul do país, não deve fechar e que a empresa deve manter o máximo de empregos possível no país. Entretanto, ele destacou que a companhia precisa se adaptar e ser competitiva se quiser se manter no mercado.

Leia também1 Recuperados da Covid-19 no mundo chegam a 2 milhões
2 Chip pode estar ligado à nova vacina contra Covid, diz site
3 Governo projeta perda de R$ 134 bilhões em arrecadação
4 Trump investe R$ 6,7 bilhões por 300 milhões de doses de vacina
5 Central sindical vai à Justiça pedir lockdown em SP

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo