Leia também:
X “Após décadas de destruição, o Brasil está se reerguendo”

FGTS e 13° do Bolsa Família injetam R$ 14 bi na economia

Soma deve servir para aquecer comércio no período de vendas do Natal

Paulo Moura - 22/10/2019 08h19

Liberação do FGTS e 13° do Bolsa Família deve impulsionar a economia Foto: Agência Brasil/Daniel Isaías

Com as últimas medidas econômicas anunciadas pelo governo, de antecipação do saque de R$ 500 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e com o pagamento do 13° para os beneficiários do programa Bolsa Família, o mercado deve ficar aquecido para este Natal com pelo menos R$ 14,5 bilhões extras. A avaliação é do secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida.

Além dessas somas, o valor ainda vai se somar aos R$ 30 bilhões do FGTS e do PIS/Pasep cuja liberação já estava prevista para este ano. Sachsida afirmou que as medidas do FGTS têm um pano de fundo estrutural de longo prazo. Segundo ele, a força motriz do crescimento da economia está mudando, com investimentos privados substituindo os aportes governamentais.

O secretário aponta que a antecipação do FGTS só está sendo possível porque a Caixa conseguiu viabilizar o atendimento aos trabalhadores. Quando a medida foi lançada, havia uma preocupação de que uma demanda muito forte nas agências da Caixa pudesse atrapalhar o pagamento, o que não se concretizou.

Sachsida disse ainda que, com a antecipação, 81% das contas dos trabalhadores no FGTS serão zeradas ainda este ano. A previsão de PIB de 2020 está mantida em 2,17%, mas pode subir à medida que o cenário de crescimento ficar mais claro.

Leia também1 “Após décadas de destruição, o Brasil está se reerguendo”
2 Bolsa bate recorde e fecha acima dos 106 mil pontos
3 Caixa antecipa pagamento do saque imediato do FGTS

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.