Leia também:
X Gasolina volta a cair nos postos e fica abaixo dos R$ 6, diz ANP

IBGE volta a abrir inscrições para contratar recenseadores

Ao todo, instituto abriu 15.075 vagas para recenseadores que atuarão no Censo 2022

Paulo Moura - 28/07/2022 09h19 | atualizado em 28/07/2022 11h59

Censo 2022
IBGE abriu novas inscrições para recenseador Foto: Agência Brasil/Tânia Rêgo

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu, nesta quinta-feira (28), mais um processo seletivo para contratação de trabalhadores que vão atuar no Censo Demográfico 2022. Ao todo, são 15.075 vagas para recenseador, função que exige nível fundamental completo.

As inscrições, que acontecem de forma gratuita, começam nesta quinta e seguem até a próxima segunda (1°). A previsão de duração dos contratos de trabalho é de três meses, mas há a possibilidade de que eles sejam prorrogados.

De acordo com o edital publicado no Diário Oficial da União (DOU), os interessados devem levar a ficha de inscrição para o processo seletivo até um dos postos do IBGE listados no edital, que terá sua versão completa disponibilizada no site https://www.ibge.gov.br/acesso-informacao/institucional/trabalhe-conosco.html

A remuneração aos recenseadores será feita por produção, calculada por setor censitário, conforme taxa fixada e de conhecimento prévio do recenseador. Entre os fatores que contribuirão para o cálculo estão as unidades recenseadas (domicílios urbanos e/ou rurais), tipo de questionário (básico ou amostra), pessoas recenseadas e registro no controle da coleta de dados.

A principal função do recenseador é entrevistar os moradores durante a coleta. Como a remuneração é por produção, ela pode variar de acordo com o tempo dedicado ao trabalho e o grau de dificuldade na abordagem aos domicílios. É possível calcular uma estimativa em uma página disponibilizada no site do IBGE (clique aqui).

Leia também1 Ação da PF mira golpe de R$ 200 milhões com falso investimento
2 Presidente do STM sobre eleição: "Não temos que nos envolver"
3 Varíola dos macacos: OMS pede que gays reduzam parceiros
4 Suspeito de agredir esposa reage a abordagem e é baleado por PM
5 Lira releva silêncio após crítica à urna: 'Câmara fala se necessário'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.