Leia também:
X Pagamento da 3ª parcela do auxílio ocorrerá até 30 de junho

Dólar fica abaixo de R$ 5 pela primeira vez em mais de 1 ano

Entrada de capital estrangeiro e venda de exportadores puxaram a queda

Pleno.News - 16/06/2021 14h52 | atualizado em 16/06/2021 15h34

Dólar fechou abaixo de R$ 5 pela primeira vez em mais de um ano Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (16), o dólar ficou abaixo de R$ 5 pela primeira vez desde 10 de junho do ano passado. Na cotação mínima, o dólar à vista caiu 0,90%, para R$ 4,9976; e, às 12h57, era cotado a R$ 5,0011, com queda de 0,83%.

A entrada de capital estrangeiro no mercado local e as vendas de exportadores puxam a queda. O fluxo cambial positivo para o Brasil é resultado da perspectiva de manutenção de juros pelo Federal Reserve (Fed, o banco central americano) nesta tarde, enquanto, por aqui, as apostas majoritárias são de que o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central vai aumentar a taxa Selic em pelo menos 0,75 ponto, para 4,25% ao ano, embora parte do mercado aposte em 1 ponto.

– O fluxo positivo coloca o dólar ante o real (na contramão do fortalecimento da moeda americana durante a manhã), ante peso mexicano, [o] peso chileno e [o] peso argentino – observa o operador Hideaki Iha, da corretora Fair.

Ele afirma, porém, que o ajuste de baixa do dólar frente ao real é limitado pela cautela com o risco fiscal, após a proposta do presidente Jair Bolsonaro de aumentar o benefício do Bolsa família para R$ 300, além da preocupação com a crise hídrica no país e a percepção de aumento da reação contrária à medida provisória que abre caminho para a privatização da Eletrobrás. A proposta deve ser votada nesta quarta no Senado, mas não há consenso entre líderes.

*Estadão

Leia também1 Bolsonaro anuncia novo Bolsa Família no valor de R$ 300
2 Bolsonaro: 'Quase tudo que é público é levado à corrupção'
3 Luciano Huck revela voto em branco em 2018, e web critica
4 Weber mantém quebra de sigilo de Filipe Martins feita pela CPI
5 Lula avalia participar de atos contra Bolsonaro no sábado

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.