Leia também:
X Saque-aniversário do FGTS é antecipado. Veja se vale a pena

Correios farão leilão de 61 mil itens que não foram entregues aos destinatários

Valores iniciais dos lotes variam entre R$ 1.303 a R$ 85.050

Pleno.News - 22/09/2021 15h25 | atualizado em 22/09/2021 18h04

Correios farão leilão de 61 mil itens que não foram entregues aos destinatários Foto: Divulgação

Os Correios irão realizar, na próxima segunda-feira (27), um leilão de objetos classificados como refugos: aqueles que não foram entregues ao destinatário ou foram devolvidos ao remetente, após todas as tentativas de entrega e terminado o prazo de direito à reclamação. Esse prazo pode variar entre sete e 30 dias, dependendo do objeto.

A empresa informou que serão leiloados 61 mil itens, entre peças de vestuário, microinformática, equipamentos eletrônicos, acessórios para veículos, bijuterias e livros, entre outros. Os valores iniciais dos lotes variam entre R$ 1.303 até R$ 85.050.

Para participar do certame, os interessados devem se cadastrar na plataforma Licitações-e do Banco do Brasil. Após a conclusão dessa etapa, pessoas físicas e jurídicas conseguem enviar propostas de forma eletrônica para participar da disputa online.

– O edital com todas as informações está disponível na plataforma Licitações-e, pelo nº 893602 e também na página de licitações dos Correios. Basta fazer a busca por modalidade Licitações Correios Aberta e escolher São Paulo Metropolitana, na coluna Dependência – informou a empresa.

Ainda segundo os Correios, os lotes estão armazenados no bloco 1 do edifício dos Correios em São Paulo, localizado na Rua Mergenthaler, 592. Visitas aos bens devem ser agendadas pelo telefone (11) 4313-8150.

*Agência Brasil

Leia também1 Privatização dos Correios: Aliado de Bolsonaro será relator
2 Funcionário dos Correios é preso suspeito de desviar cartões
3 Eduardo: 'Sonho de voltar a assaltar carteiros terminou'
4 Marina quer pressão no Senado contra privatização dos Correios
5 Câmara rejeita mais 2 destaques da oposição em PL dos Correios

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.