Leia também:
X Dois foguetes caem na Zona Verde de Bagdá, no Iraque

Bolsonaro cancela viagem a Davos, diz porta-voz

De acordo com Otávio Rêgo Barros, governo analisou série de aspectos para decidir sobre ida ao Fórum Econômico Mundial

Henrique Gimenes - 08/01/2020 19h17 | atualizado em 08/01/2020 19h27

Porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros Foto: Anderson Riedel/PR

Nesta quarta-feira (8), o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, afirmou que o presidente Jair Bolsonaro não irá ao Fórum Econômico Mundial. O evento é realizado em Davos, na Suíça.

– [Sobre] Davos, está cancelada a ida do presidente, falei com ele há pouco. As razões para o cancelamento por parte do presidente são aquelas que já estamos esboçando há tempos – apontou.

Na segunda-feira (6), Bolsonaro já havia dito que estava reavaliando a viagem por “questão de segurança”. A decisão ocorre em meio às tensões entre Estados Unidos (EUA) e Irã. De acordo com o porta-voz, membros do governo avaliaram diversos aspectos antes do cancelamento.

– O presidente e os assessores analisaram uma série de aspectos: aspectos econômicos, aspectos de segurança, aspectos políticos. E o somatório desses aspectos, quando levados à apreciação do presidente, lhe permitiu avaliar que não seria o caso, neste momento, de participar desse fórum – ressaltou.

O Fórum Econômico Mundial será realizado entre os dias 21 e 24 deste mês.

Leia também1 Maia discorda de Bolsonaro sobre privatizar os Correios
2 Bolsonaro não convocou o Exército para atuar no Irã
3 Bolsonaro assiste discurso de Trump e critica governo Lula

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.