Leia também:
X Meme de Bolsonaro, em resposta a post sobre Randolfe, faz sucesso em rede social

Barroso afirma que as eleições são ‘seguras e auditáveis’

Ministro participou de uma reunião com integrantes da comissão que analisa o voto auditável impress

Henrique Gimenes - 21/06/2021 21h49 | atualizado em 22/06/2021 12h36

Ministro Luís Roberto Barroso, presidente do TSE Foto: STF/Nelson Jr

Nesta segunda-feira (21), o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, afirmou a deputados que as eleições são “auditáveis” e “seguras”. A declaração foi dada por ele após uma reunião com deputados que integram a comissão que trata do voto impresso auditável.

Além de Barroso e dos parlamentares, participaram do encontro técnicos do TSE. O ministro afirmou que a reunião foi feita para “demonstrar que tudo aqui é feito de maneira aberta”.

– Essa sessão de trabalho procura demonstrar que as eleições brasileiras são seguras, transparentes e auditáveis. Não é para mudar a convicção e compromissos políticos de cada um. É apenas uma reunião de transparência, para demonstrar que tudo aqui é feito de maneira aberta e fiscalizável – apontou ele.

Durante sua coletiva, Barroso também voltou a fazer críticas ao voto impresso auditável.

– O voto impresso vai potencializar o discurso de fraude e vão pedir, como já se pediu aqui, a contagem pública de 150 milhões de votos, e contagem pública só pode ser manual. Portanto, nós vamos entrar no túnel do tempo e voltar ao tempo das fraudes em que as pessoas comiam votos, urnas desapareciam, apareciam votos novos. Nós vamos produzir um resultado muito ruim, portanto vai ser um mal para a democracia brasileira – destacou.

Leia também1 Moraes nega recurso e mantém quebra de sigilo de ex-chanceler
2 CPI: Rosa Weber suspende convocação de governadores
3 MPTCU pede novo afastamento do ministro Ricardo Salles
4 Aziz afirma que CPI irá acionar a Interpol para encontrar Wizard
5 Agência contratada pela Secom aciona STF contra quebra de sigilo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.