Moro afastou promotor que investigava Flávio Bolsonaro?

Nova notícia falsa circula nas redes sociais

Pleno.News - 16/06/2019 07h55

Ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

Uma nova notícia falsa circula pelas redes sociais. Desta vez, o alvo é o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, que é acusado de afastar o promotor responsável por investigar o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e também por afastar o delegado responsável pela investigação do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ).

No entanto, o texto é completamente falso.

O promotor Cláudio Calo, do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ), não foi afastado da investigação. Ele pediu para sair do caso por uma “questão de cunho pessoal”, já que esteve presente em uma reunião com amigos do senador.

Já a investigação do caso Marielle é de responsabilidade do governo do estado do Rio de Janeiro e não do ministro Sergio Moro. O delegado responsável pelo caso, Giniton Lages, foi enviado para um intercâmbio na Itália após convite do governador Wilson Witzel.

LEIA TAMBÉM+ OAB realmente pediu o fim da Operação Lava Jato?
+ Telegram teve conversas adulteradas por hackers?


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo