Médicos não receitaram sucos e chás contra o coronavírus

Mensagem compartilhada na internet já havia sido desmentida pelo Ministério da Saúde

Rafael Ramos - 31/01/2020 15h55

Coronavírus já contaminou mais de 9 mil pessoas na China Foto: EFE/EPA/Ian Langsdon

Com mais de 9 mil casos já confirmados na China e nove suspeitas de contaminação no Brasil, o coronavírus tem causado alarde na população. Um clima propenso para a proliferação das fake news, como uma corrente que vem circulando nas redes sociais e no WhatsApp.

A mensagem fala que médicos do Hospital das Clínicas e do Hospital São Domingos recomendaram vitamina C, sucos e fígado de boi para evitar a contaminação pelo vírus. O texto ainda supõe que o chá de erva-doce possui o mesmo princípio ativo do Tamiflu, um medicamento usado em casos de gripe.

Além da falta de evidências científicas que comprovem a eficácia dos métodos, essa mesma mensagem já foi associada ao H1N1 entre 2018 e 2019. Na época, o Ministério da Saúde emitiu uma nota desmentindo as informações e alertando a população a não compartilhar tais mensagens.

LEIA TAMBÉM+ Coronavírus: Veja epidemias que assustaram a humanidade
+ Mortes por novo coronavírus na China chegam a 213
+ Brasil segue com nove casos suspeitos de coronavírus
+ Coronavírus é emergência de saúde internacional, diz OMS


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo