Aloysio Nunes e Zélia não foram embaixadores nos EUA

Falsas informações foram disseminadas na internet

Pleno.News - 19/07/2019 17h14

Aloysio Nunes e Zélia Cardoso não foram embaixadores nos EUA Foto: Reprodução

É preciso ficar alerta quanto a quantidade de fake news disseminada nas redes sociais, a fim de não ser vítima de conteúdos mentirosos. Tem circulado nas redes sociais dois textos relacionados a supostos ex-embaixadores brasileiros nos EUA. Entretanto, as informações sobre o senador licenciado Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) e Zélia Cardoso de Mello, ministra da Economia no primeiro ano do governo Collor, não são verdadeiras.

Ferreira é o atual presidente da agência paulista de promoção de investimentos Investe SP. Ele não ocupou o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos. É verdade somente que ele foi ministro das Relações Exteriores, entre fevereiro de 2017 e dezembro de 2018, após ser nomeado pelo então presidente Michel Temer (MDB).

Também é falsa a publicação sobre Zélia ter sido titular da embaixada brasileira em Washington. Até a última terça-feira, a postagem sobre ela teve mais de 1.500 compartilhamentos no Facebook. A ferramenta de monitoramento da rede social conferiu o selo FALSO em todas as publicações sobre o assunto.

As nomeações dos ex-presidentes petistas Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff foram quatro ao todo. Roberto Abdenur, Antonio de Aguiar Patriota e Mauro Vieira foram nomeados por Lula. Luiz Alberto de Figueiredo foi nomeado por Dilma.

Segundo o site Aos Fatos, desde a redemocratização, o Brasil teve nove embaixadores em Washington. Marcílio Marques Moreira foi embaixador entre 1986 e 1991, durante o governo de José Sarney e início do comando de Fernando Collor. Ele tomou posse do Ministério da Economia após a demissão de Zélia, em maio de 1991.


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo