Leia também:
X Marina Silva recebe abraço de Leonardo Gonçalves em igreja

Mãe de jovem que se suicidou desabafa: ‘Falou que ia fazer’

Alinne Araújo tinha um quadro severo de depressão

Ana Luiza Menezes - 17/07/2019 16h06 | atualizado em 09/07/2020 14h46

Alinne Araújo Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (17), Elizabete Nascimento, mãe da jovem que cometeu suicídio na segunda-feira, participou do programa Encontro, da Rede Globo. Em sua conversa com Fátima Bernardes, ela revelou que a filha, Alinne Araújo, já tinha sido diagnosticada com depressão aos 15 anos.

Elizabete disse ainda que a garota já tinha tentado tirar a própria vida. Ela lembrou ainda do dia em que Orlando Costa desistiu do casamento com Alinne.

– Ela começou a ligar para ele e ele não atendia. Ligou e falou: ‘sogro, o Orlando sumiu’. Ela pegou o carro e foi atrás dele na casa dele no Méier. Chegou lá e disseram para ela: ‘você pode revistar a casa para procurar ele’. Na volta ela recebeu a mensagem dele dizendo que não ia casar. Ela tentou se jogar na estrada, foi pesado demais! Ela era uma caixinha de surpresas. Quando ela aceitou casar com ela mesma, eu falei: ‘esse resultado vai vir depois’ – falou.

Elizabete Araújo Foto: Reprodução

Abalada, a mulher afirmou que sua filha era uma jóia rara, mas que além da depressão sofria de ansiedade.

– Era uma caixinha de surpresas. Ela queria muito ajudar as pessoas. Ela dizia: ‘mãe, peraí que estou ajudando alguém que está querendo se matar’ – relatou.

A mãe revelou também um desabafo feito pela jovem no dia em que se casou sozinha.

– Ela falou comigo que ia fazer isso, mas eu não levei fé, não acreditei – contou.

Já Saionara Araújo, tia de Alinne, que também esteve no programa de Fátima Bernardes, comentou as críticas sofridas pela moça.

– Ela não estava pronta para a quantidade de críticas. Tinham pessoas que acusaram ela de ter traído, que é uma inverdade, que ela só queria aparecer, foi muita coisa, foi uma avalanche – avaliou.

Sayonara fez questão de afirmar que Orlando não teve culpa do que aconteceu.

– Ele não tem culpa, a gente não quer culpá-lo, é uma pessoa que foi muito boa pra ela. Ele cuidou dela o tempo todo. Mas aquilo foi a gota d’água – disse.

DEPRESSÃO SEVERA
Durante o programa, a família explicou que Alinne tinha um quadro severo de depressão. A garota, muitas vezes, não tinha disposição sequer para tomar um banho. Mesmo assim, era acompanhada.

– Ela se tratava, tinha todo o amparo para a doença mental. A doença surgiu no início da adolescência. Ela já tentou se matar outra vez, tomou remédios e precisou fazer lavagem. Ela tinha terminado o curso de Departamento Pessoal e estava fazendo psicologia. Dizia: ‘tia, preciso entender a mente humana para me ajudar e ajudar as pessoas que precisam’ – contou Saionara.

A tia revelou que Alinne e Orlando moraram juntos.

– Eles moravam juntos há nove meses. Ele saiu para buscar o terno e as alianças e pagar a filmagem. Ela falou: ‘o Orlando sumiu e não pagou a filmagem’. Eu disse: ‘calma, ele deve estar na despedida de solteiro’. E ela falou: ‘tia, ele sumiu’. Oito e pouco da noite ele mandou mensagem dizendo que não estava pronto para casar. No domingo fomos para a delegacia para dar o sumiço dele – lembrou.

Sobre o perfil da sobrinha no Instagram, Saionara afirmou que a repercussão chegou a animar a jovem.

– Ela falava: ‘tia, as pessoas querem tirar foto comigo na rua e estão pedindo autógrafo’. Quando ela fez o blog, ela disse que fez como sejjesincera para chamar atenção e para ser diferente porque ela era diferente. Ela falava: ‘a mente de vocês não é igual à minha’. Foi o que motivou sempre essa questão da rede social – disse.

PROCURE AJUDA
No Brasil, a Organização Mundial da Saúde considerou o suicídio como um grave problema de saúde pública. Pesquisa levantada pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) mostrou que o índice de mortes aumentou em 24% entre os adolescentes que vivem nas grandes cidades brasileiras.

O Centro de Valorização da Vida (CVV) é uma das instituições que dão apoio emocional e trabalham para prevenir o suicídio. Para pedir ajuda, ligue para o número 188 ou acesse o site do CVV.

Leia também1 Esposa de Thiago Silva critica jovem que cometeu suicídio
2 Noiva Alinne: O ódio virtual como gatilho para o suicídio
3 Ex-noivo de jovem que se matou diz que está acabado
4 Jovem comete suicídio um dia após casar sem o noivo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.