Leia também:
X Wesley Ros: “Eu sou atacado diretamente por negros”

Covid e violência doméstica ameaçam idosos na pandemia

Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa foi instituído pela ONU

Camille Dornelles - 15/06/2020 15h00 | atualizado em 19/06/2020 17h11

Idosos precisam ser protegidos pela sociedade Foto: ANPR

Nesta segunda-feira (15) comemora-se o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, uma data instituída em 2006 pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa. Neste momento de pandemia, a população precisa ser protegida tanto do novo coronavírus como da violência doméstica.

A advogada de família Mirtes Rodrigues da Silva falou ao Pleno.News sobre o aumento de registros e acredita serem novos casos e não apenas novas notificações.

– O problema não é a quarentena em si e sim a convivência que aumenta e, consequentemente, também aumentam os conflitos familiares – declara.

Ela também explica que os familiares precisam ajudar a mulher vítima a sair desta situação. Com a proximidade diária, a violência se torna mais notória.

– A família da vítima com certeza estará disposta a encontrar uma maneira de ajudar. Além do mais, quem sai do lar é o agressor e não a vítima – declarou a especialista.

Ligue 180 em casos de violência doméstica contra mulheres e 100 em casos de violência e maus-tratos contra idosos, menores de idade, pessoas com deficiência, moradores de rua, grupos étnicos e migrantes ou refugiados.

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.