Leia também:
X Filho de Whindersson Nunes morre após parto prematuro

Famosos lamentam morte do bebê de Whindersson e Maria

João Miguel nasceu prematuro e não resistiu

Monique Mello - 31/05/2021 12h44 | atualizado em 31/05/2021 13h17

Whindersson Nunes e Maria Lina aguardavam a chegada de João Miguel Foto: Reprodução

Logo após a assessoria de imprensa de Whindersson Nunes confirmar a morte do bebê do humorista com Maria Lina, uma comoção tomou conta da web. João Miguel, que nasceu prematuro, chegou a ficar internado na UTI, mas não resistiu. O casal está recebendo mensagens de apoio tanto de anônimos quanto de famosos.

Os nomes Whindersson e João Miguel já estão entre os assuntos mais comentados do dia no Twitter. Wesley Safadão, Yudi Tamashiro, Felipe Neto e Maurício Meireles estão entre as personalidades que prestaram condolências por meio da plataforma.

– Eu quero deixar todo meu amor, [meu] carinho e [minha] compaixão pro @whindersson. E exijo que a sociedade tenha mais cuidado com as palavras, principalmente neste momento – declarou o humorista Maurício Meireles.

Pelo Instagram, também houve manifestações de força e carinho.

– Meus sentimentos e muita força para a família – escreveu Ticiane Pinheiro.

Tatá Werneck se manifestou, citando a “perseguição” que o casal chegou a sofrer durante a gestação.

– Deus abençoe os dois. Deus me livre, Senhor. São pessoas mto especiais. Só Deus pra confortar. E que as pessoas se lembrem do quanto despejaram ódio na gestação dela. O próprio Whinderson disse que as pessoas falavam coisas horríveis – escreveu Tatá Werneck.

 

Leia também1 Filho de Whindersson Nunes morre após parto prematuro
2 Ator Rodrigo Sant'Anna recebe alta após internação por Covid
3 Poeta Bráulio Bessa, do Encontro, vence a Covid-19 e recebe alta
4 Intérprete de 'Tarzan' morre em tragédia de avião nos EUA
5 Praga de milhares de ratos assusta moradores na Austrália

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.