Virou bagunça! Após Lula, Cabral também quer ser solto

Ex-governador foi condenado a mais de 260 anos de prisão

Pleno.News - 08/11/2019 21h46

Defesa de Sérgio Cabral quer liberdade do ex-governador Foto: Folhapress/Cassiano Rosário

Após as solturas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do ex-ministro José Dirceu, com base na decisão do STF, o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, também entrou com pedido de liberdade.

A advogada de Cabral, Patrícia Proetti, alegou para a Vara de Execuções Penais do Rio que o seu cliente está preso sob “execução provisória de pena”. Isto significa que Cabral começou a cumpri pena sem ter esgotado seus recursos na Justiça.

Até hoje, Sérgio Cabral já foi condenado 12 vezes pela Lava Jato. As penas somam mais de 260 anos de prisão.

LEIA TAMBÉM+ Cabral é condenado pela 12ª vez e penas chegam a 267 anos
+ Juntos de novo! Cabral irá para presídio onde está Pezão
+ Leilão: Valor das joias de Adriana Ancelmo despenca


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo