Leia também:
X Renan Calheiros compara Jair Bolsonaro a Suzanne Richtofen

Telegram: Anatel acata decisão de Moraes em ‘caráter imediato’

Empresas que não cumprirem estão sujeitas a multa diária de R$ 100 mil

Pleno.News - 18/03/2022 18h04

Anatel foi intimada pelo STF a providenciar o bloqueio do Telegram no Brasil Foto: Freepik

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informou nesta sexta-feira (18), que providenciou o imediato encaminhamento da decisão que suspendeu o funcionamento do aplicativo de mensagens Telegram no país às entidades do setor que possuem pertinência com a decisão.

A ordem de suspensão foi assinada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que determinou à Anatel que adotasse “imediatamente” todas as providências necessárias para efetivação da medida, comunicando a Corte em no máximo 24 horas

A notificação da agência foi enviada às empresas de telecomunicação de internet fixa e móvel que operam no Brasil.

– A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informa que foi oficiada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), em processo que corre em sigilo, e providenciou o imediato encaminhamento da decisão judicial às entidades atuantes no setor regulado que possuem pertinência com a determinação judicial – informou a Anatel em nota.

De acordo com a decisão de Alexandre de Moraes, será aplicada multa diária de R$ 100 mil para as empresas que não bloquearem o aplicativo.

*Com informações da AE

Leia também1 Moraes cita Rede Globo em sua decisão sobre banir Telegram
2 Allan dos Santos pede que STF desbloqueie contas bancárias
3 Paulo Guedes diz que já resolveu problema dos negativados
4 André Mendonça é eleito para ministro substituto do TSE
5 Por 6 a 4, STF valida grampos telefônicos autorizados por Moro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.