Leia também:
X Ao STF, PSB acusa Bolsonaro de homicídio na pandemia

Sem ser convidado, Doria critica comitê criado para a pandemia

Governador de SP foi excluído da reunião entre os poderes em que foi criado um comitê de crise

Pleno.News - 24/03/2021 14h19 | atualizado em 24/03/2021 16h10

João Doria reclamou após não ser convidado para reunião sobre crise da Covid-19 Foto: Reprodução

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), criticou a criação de um comitê nacional de enfrentamento do novo coronavírus, anunciada na manhã desta quarta-feira (24), após reunião entre os chefes dos Três Poderes nacionais e governadores alinhados ao presidente Jair Bolsonaro. De acordo com Doria, o governo do estado de São Paulo não foi convidado para o movimento que “exclui governadores que estão trabalhando para proteger a vida de brasileiros”. O governador classificou o colegiado como “não confiável”.

– O Brasil quer vacinação, o Brasil não quer comitê de adulação, e disso não participo – afirmou.

Doria ainda reclamou por não ter sido convidado para a criação do comitê.

– Este comitê, primeiro, não nos representa. Nós não fomos convidados, e aquilo que representa a saúde, a necessidade de proteção da vida dos brasileiros de São Paulo, deve ser tratado com o governador do estado de São Paulo, e não com o representante do governador do estado de São Paulo – disse Doria sobre o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), próximo a Bolsonaro, e que representou os estados do Sudeste na reunião.

PRONUNCIAMENTO
O governador também criticou o pronunciamento nacional realizado na noite de terça-feira (23) pelo presidente Bolsonaro.

– Pra quem, como eu, e como milhões de brasileiros, assistiu àquela farsa daquele depoimento do presidente Jair Bolsonaro ontem na televisão, com mentiras, inverdades e disfarçando até mesmo com uma máscara que nunca utilizou, não é confiável a realização de um comitê que exclui governadores que estão trabalhando – disse o tucano.

*Estadão

Leia também1 Ao STF, PSB acusa Bolsonaro de homicídio na pandemia
2 Paulo Gustavo segue intubado, mas tem curva de melhora
3 Pacheco e Lira cobram discurso único entre Poderes e Bolsonaro
4 Guedes pede vacinação de todos que receberão o auxílio em 2021
5 Governo entregará 2,8 milhões de unidades para kit intubação

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.