Leia também:
X TSE congela pagamento da Gettr a perfis de apoio a Bolsonaro

Após atos, Pacheco cancela agenda do Senado desta semana

Comunicado foi enviado aos senadores na noite desta terça

Pleno.News - 08/09/2021 08h38 | atualizado em 08/09/2021 09h08

Presidente do Senado Rodrigo Pacheco cancelou agenda da Casa nesta semana Foto: Agência Brasil/Fabio Pozzebom

Após os atos a favor do governo de Jair Bolsonaro, em que o presidente fez críticas diretas ao Congresso e ao Judiciário, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), decidiu cancelar todas as reuniões do plenário e da comissões marcadas para esta semana.

O comunicado da decisão foi enviado aos parlamentares por mensagem nesta noite e confirmada pela assessoria da presidência do Senado. Com isso, portanto, não haverá a audiência com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, prevista para hoje na Comissão de Acompanhamento da Covid-19 no Senado.

A decisão foi interpretada na Casa, conforme apurou a reportagem, como o primeiro reflexo da radicalização do presidente Bolsonaro. A avaliação de Pacheco, segundo interlocutores do presidente do Senado, foi de que não há clima para votações nem garantia de segurança a senadores e servidores.

Mesmo após os atos desta terça-feira, ainda havia muitos apoiadores do presidente acampados na Esplanada dos Ministérios até a noite desta terça. O setor de inteligência do Senado também foi informado de riscos de invasão a prédios de poderes.

Pacheco, a exemplo do presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL), foi “convocado” por vários representantes de associações e políticos a reagir à altura ao discurso de Bolsonaro, que, entre outros pontos, desafiou o Supremo Tribunal Federal e disse que não cumprirá decisões do ministro Alexandre de Moraes. Os membros da Suprema Corte se reuniram na noite de ontem e informaram que o presidente do STF, Luiz Fux, demonstrará o posicionamento do grupo hoje.

*AE

Leia também1 TSE congela pagamento da Gettr a perfis de apoio a Bolsonaro
2 Fux deve subir o tom no discurso de hoje em repúdio a Bolsonaro
3 Ex-ministro do STF diz que Bolsonaro não está à altura do cargo: 'Político medíocre'
4 7 de setembro: Randolfe aciona o STF contra Bolsonaro por atos
5 É hora da Câmara e do Senado tomarem ação, diz presidente da OAB

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.