Leia também:
X Esquerda irá ao Conselho de Ética contra Daniel Silveira

Ratinho sugere intervenção militar para ‘consertar’ o Brasil

Apresentador citou exemplo da Singapura, que teve general no comando

Gabriela Doria - 17/02/2021 17h37 | atualizado em 17/02/2021 18h37

Ratinho defendeu intervenção militar para melhorar situação do país Foto: Reprodução

O apresentador Carlos Massa, também conhecido como Ratinho, defendeu uma nova intervenção militar no Brasil para, segundo ele, melhorar o país. A declaração foi feita no programa Turma do Ratinho, na Rádio Massa FM, que pertence ao próprio comunicador.

– Eu sei que o que vou falar aqui pode até chocar, mas está na hora de fazer igual [se] fez em Singapura. Entrou um general, consertou o país e, um ano depois, fez eleições. Mas primeiro consertou. Chamou todos denunciados e disse: “vocês têm 24 horas para deixar o país ou serão fuzilados”. Limpou Singapura – disse o apresentador, fazendo referência ao governo do ex-primeiro-ministro Lee Kuan Yew.

Ratinho também citou a gestão do ex-prefeito de Nova Iorque Rudolph Giuliani, cujo governo foi marcado por uma política higienista de retirada de circulação de pessoas em situação de rua.

– Do que as pessoas tinham medo? Morador de rua. Ele tirou todos os moradores de rua e deu um lugar para os caras se virarem. Ele limpou tudo, e a imprensa ficou a favor dele. Aqui, se mexer com morador de rua, a imprensa cai em cima do político – avaliou.

Ratinho disse ainda que a maioria dos brasileiros concorda com seu ponto de vista.

– Se eu abrir uma votação perguntando se o povo é a favor da volta dos militares, dá 70%. Nossa democracia é muito frágil. Dá margem para bandido. Estranha! – disse.

Leia também1 Em novo vídeo, Daniel Silveira desafia Alexandre de Moraes
2 Fachin: Pressão de militares ao STF é 'intolerável e inaceitável'
3 Pollon para Freixo: 'Cidadão de bem não é milícia de ninguém'
4 Damares nega pedido de anistia de membro da cúpula do PT
5 Policiais militares do Distrito Federal oram por Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.