Leia também:
X Drauzio se une à fundação de Soros em debate sobre drogas

Prefeita na Itália quer conceder cidadania honorária a Bolsonaro

Políticos de centro-esquerda da Itália discordam da iniciativa

Monique Mello - 22/10/2021 11h16 | atualizado em 22/10/2021 11h39

Bolsonaro poderá ter cidadania em pequena cidade italiana Foto: PR/Isac Nóbrega

O presidente Jair Bolsonaro pode se tornar um cidadão honorário da cidade de Anguillara Veneta, no norte da Itália. A proposta foi feita pela prefeita Alessandra Buoso.

O município italiano, com pouco mais de quatro mil habitantes e a 80 quilômetros de Veneza, é a terra natal de um bisavô paterno do presidente brasileiro, o que, de acordo com a prefeita, é o motivo da homenagem.

– Isso não deve ser algo político. Pensei nas pessoas do meu país que imigraram para o Brasil e construíram uma vida até chegar a presidente, levando o nome de Anguillara Veneta ao mundo – disse a prefeita em entrevista à agência de notícias ANSA.

A convocação na Câmara Municipal da região para discutir a cidadania honorária de Bolsonaro está marcada para 25 de outubro e foi assinada por Buoso na última quarta-feira (20).

Políticos de centro-esquerda da Itália, por sua vez, manifestaram-se contrários à proposta, embora a prefeita tenha dito que o motivo não é político.

O secretário regional do Partido Democrático (PD), Alessando Bisato, falou que a homenagem é “ultraje inútil” e afirmou que Bolsonaro é “alérgico à democracia e aos direitos civis, negacionista da Covid e antivacina declarado”.

Leia também1 "Paulo Guedes continua no governo", garante Jair Bolsonaro
2 Bolsonaro afirma que auxílio a caminhoneiros será de R$ 400
3 Em reunião, Partido Liberal articula filiação de Bolsonaro
4 Não tomei vacina. Quem quiser, siga meu exemplo, diz Bolsonaro
5 Em evento, Jair Bolsonaro elogia Alcolumbre e critica Renan

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.