Leia também:
X Brasil é eleito para Conselho de Segurança da ONU

Preço da gasolina às refinarias cai em 2%, anuncia Petrobras

Valor do litro passará de R$ 2,58 para R$ 2,53

Pleno.News - 11/06/2021 14h03 | atualizado em 11/06/2021 14h39

Petrobras anuncia queda no valor da gasolina para as refinarias Foto: Geraldo Falcão/Petrobras

O litro da gasolina vendido nas refinarias da Petrobras vai ficar 2% mais barato (- R$ 0,05) a partir deste sábado (12). A revisão foi anunciada nesta sexta-feira (11), aos clientes. Com isso, o valor do litro passa de R$ 2,58 para R$ 2,53.

De acordo com a StoneX, com essa redução o preço da Petrobras está abaixo do mercado internacional e não há oportunidade para outras empresas importarem o combustível.

A estatal utiliza a política de paridade internacional (PPI), na qual acompanha as variações do brent, negociado em Londres, o câmbio e os custos logísticos. Com isso, tende a aproximar-se dos valores praticados pela concorrência, que traz os combustíveis de outros países para vender no Brasil.

– O câmbio disparou hoje, e a gasolina está bem estável no mercado internacional. Era para a Petrobras aumentar o preço – afirmou Thadeu Silva, especialista de petróleo da consultoria.

Em nota, a Petrobras afirmou que busca evitar o repasse imediato para os preços internos da volatilidade externa causada por eventos conjunturais.

– Nossos preços seguem buscando o equilíbrio com o mercado internacional e acompanham as variações do valor dos produtos e da taxa de câmbio, para cima e para baixo – afirma Thadeu Silva.

Em seguida, ele diz que os reajustes são realizados a qualquer tempo, sem periodicidade definida, de acordo com as condições de mercado e da análise do ambiente externo.

– Isso possibilita a companhia competir de maneira mais eficiente e flexível – complementa.

*Estadão

Leia também1 Ibovespa fecha em alta e bate recorde pelo quarto dia seguido
2 Setor elétrico faz pente-fino em térmicas contra o racionamento
3 Governo irá prorrogar auxílio por mais 3 meses, diz colunista
4 Bolsonaro: 'Cresceremos 4% este ano; sem pandemia, seria 8%'
5 Bolsonaro e Guedes autorizaram GLO na Amazônia, diz Mourão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.