Leia também:
X Zé Trovão ‘peita’ Moraes e desafia: “Vem me prender na Paulista”

Por segurança, Anvisa interdita lotes de CoronaVac

Imunizantes foram envasados em fábrica chinesa sem inspeção

Gabriela Doria - 04/09/2021 16h16 | atualizado em 04/09/2021 16h22

Anvisa interditou uso de 12 lotes da CoronaVac Foto: SEI/Hélia Scheppa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu, neste sábado (4), o uso de 25 lotes da vacina CoronaVac envasados em uma fábrica chinesa sem a inspeção da agência. A medida de segurança interditou mais de 12 milhões de doses do imunizante chinês.

Com isso, a distribuição e a aplicação das doses destes lotes estão proibidas por até 90 dias. As demais vacinas seguem com uso ininterrupto.

A Anvisa afirmou em nota que foi informada sobre a situação nesta sexta-feira (3), às 16h, pelo Instituto Butantan. Um ofício também foi enviado à agência reforçando a informação.

Segundo o comunicado do Butantan, as doses foram envasadas em uma planta fabril da Sinovac na China, mas não houve inspeção e nem aprovação para a Autorização de Uso Emergencial (AUE) no Brasil.

Outras 9 milhões de doses, distribuídas em 17 lotes e fabricadas na mesma planta fabril não inspecionada, estão em fase de envio e tramitação para o Brasil.

– Nesses termos, a vacina envasada em local não aprovado na Autorização de Uso Emergencial configura-se em produto não regularizado junto à Anvisa – disse a nota.

A Anvisa informou ainda que, durante a suspensão temporária, “trabalhará na avaliação das condições de boas práticas de fabricação da planta fabril não aprovada, no potencial impacto dessa alteração de local nos requisitos de qualidade, segurança e eficácia, e do eventual impacto para as pessoas que foram vacinadas”.

Leia também1 Por enquanto, Queiroga descarta vacina CoronaVac para 3ª dose
2 Fabricante é proibido de indicar ivermectina para tratar Covid
3 Flórida cria multa para quem exigir comprovante de vacina
4 Governo federal libera R$ 1,1 bilhão para Saúde dos estados
5 Em live, presidente Jair Bolsonaro ironiza a CoronaVac

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.