Leia também:
X PT lança história em quadrinhos sobre Lula e a Lava Jato

Criticado, Castro alfineta Freixo: ‘Volte ao Copacabana Palace’

Governador e deputado trocaram acusações nas redes

Pleno.News - 18/02/2022 19h19 | atualizado em 18/02/2022 21h58

Governador Claudio Castro e o deputado Marcelo Freixo trocaram farpas nas redes Foto: Governo do Rio/Rogério Santana/Câmara dos Deputados/Luis Macedo

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), usou as redes sociais, nesta sexta-feira (18), para disparar críticas ao deputado federal Marcelo Freixo (PSB-RJ) – possível adversário de Castro nas eleições ao governo do Rio deste ano. Em seu Twitter, Castro reagiu às críticas de Freixo, que o acusou de demorar a aceitar ajuda para Petrópolis por “razões políticas”.

– Enquanto a população de Petrópolis precisa de socorro e os bombeiros fazem o que podem com pouco pessoal e poucos equipamentos, Cláudio Castro, por razões políticas, demora um tempo precioso para aceitar as ajudas oferecidas por outros Estados – escreveu o ex-PSOL.

Castro não deixou a declaração por menos. Em suas redes sociais, ele chamou Freixo de “oportunista” e o comparou a “Zé do Caixão” por “fazer politicagem” em cima de tragédias.

Claudio Castro rebateu críticas de Marcelo Freixo Foto: Reprodução

– Marcelo Freixo, você é o maior oportunista que eu conheci em toda a minha vida! Você só sabe fazer politicagem em cima do sangue e da tragédia das pessoas! É uma espécie de ZÉ DO CAIXÃO da política! Vem a Petrópolis mentir, criar intrigas e gerar confusão – escreveu.

Em seguida, ele ironizou a estadia de Freixo no hotel do Copacabana Palace.

– Deixa a gente trabalhar em paz e volte para o seu mundo encantado do Copacabana Palace! Aliás, você apareceu em Petrópolis três dias depois da tragédia! Imagina se a população precisasse de você, ZÉ DO CAIXÃO! – completou.

Freixo se defendeu e fez um comentário na publicação do governador.

Marcelo Freixo comentou em post de Castro Foto: Reprodução

– Governador, não é hora de atacar e brigar. O momento é de união, porque tem muita gente em risco e muito trabalho a ser feito. Aceite ajuda rapidamente de quem oferecer, mantenha a serenidade e vamos ao trabalho.

Leia também1 João Doria envia 4 bombeiros e 2 cachorros para Petrópolis
2 Petrópolis: Governador do RJ agradece a Bolsonaro por ajuda
3 Jair Bolsonaro sobre Petrópolis: "Imagem quase que de guerra"
4 Bolsonaro sobrevoa a cidade de Petrópolis após fortes chuvas
5 Papa presta condolências após chuvas em Petrópolis

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.