Leia também:
X Médico francês acusado de injúria racial no Rio vira réu

Deputados criticam vídeo que encena morte de Bolsonaro

"Peço reforço de orações. Essa é uma guerra do bem contra o mal", disse Carla Zambelli

Pleno.News - 16/07/2022 10h39 | atualizado em 16/07/2022 13h57

Deputada federal Carla Zambelli Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Neste sábado (16), a deputada federal Carla Zambelli usou as redes sociais para expor e criticar um vídeo, que encena a morte do presidente Jair Bolsonaro. Ela compartilhou fotos que mostram a gravação de um acidente de moto.

Além de expor indignação, a parlamentar pediu orações. Ela destacou que “essa é uma guerra do bem contra o mal”.

– Um vídeo foi feito encenando a morte do presidente Jair Bolsonaro num “acidente” de moto. Peço reforço de orações. Essa é uma guerra do bem contra o mal. E VAMOS VENCER – escreveu a deputada.

Outro deputado federal que se manifestou sobre o caso foi Eduardo Bolsonaro. Ele questionou se o ministro e presidente em exercício do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, irá cobrar explicações e estipular um prazo para que as pessoas responsáveis pelo vídeo se manifestem. O comentário do parlamentar ocorre após Moraes ter estipulado o prazo de dois dias para que o chefe do Executivo se manifeste acerca de uma acusação de discurso de ódio.

– Quantas horas Alexandre de Moraes dará para os produtores se manifestarem sobre discurso de ódio? Ou será que isso pode? Será que instigar outros Adélios pode? Tem método – escreveu Eduardo Bolsonaro, no Twitter.

O deputado federal Carlos Jordy também citou o ministro Alexandre de Moraes ao comentar o vídeo sobre Bolsonaro.

– E esse vídeo encenando o assassinato do Presidente Bolsonaro numa motociata? Será que Alexandre de Moraes vai dar 24hs para se manifestarem? – questionou.

A pré-candidata ao Senado e ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, disse que o Ministério Público (MP) precisa investigar o caso. Ela questionou se o vídeo é uma encenação ou estímulo para um atentado contra a vida do presidente da República.

– Encenação ou estímulo para um atentado contra a vida do Chefe de Estado brasileiro? O MP precisa investigar isso a fundo! Cenas como estas são repugnantes e não podem ser toleradas – declarou.

Leia também1 "Manifesto que sou contra", diz Bolsonaro sobre prazo de Moraes
2 Bolsonaro reage a ordem de Moraes sobre discurso de ódio
3 Bolsonaro: Fachin tirou Lula da prisão para ele ser presidente
4 TRE-RS: Uso da bandeira não caracteriza propaganda eleitoral
5 Moraes dá 48h para Bolsonaro explicar "discurso de ódio"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.