Leia também:
X Francischini diz que se sentia ‘humilhado’ pela decisão do TSE

Weber atende PGR e arquiva inquérito contra Ciro Nogueira

Investigação apurava supostas propinas que teriam sido pagas pelo grupo J&F

Pleno.News - 04/06/2022 08h38 | atualizado em 04/06/2022 08h42

Ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira Foto: Casa Civil/Benné Mendonça

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou arquivar nesta sexta-feira (3) um inquérito contra o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI). A investigação em questão apurava supostas propinas que teriam sido pagas pelo grupo J&F.

A decisão respeita o posicionamento da Procuradoria-Geral da República (PGR). Em maio, a vice-procuradora-geral Lindôra Araújo disse que não havia provas dos pagamentos e pediu o encerramento do inquérito contra o ministro.

Pela jurisprudência do STF, quando o Ministério Público Federal, que é o titular da investigação, conclui uma apuração sem oferecer denúncia, é de praxe que os ministros promovam o arquivamento do caso.

Com a decisão, o inquérito foi enviado ao Tribunal de Justiça do Piauí para distribuição a um juiz criminal de primeira instância, que deverá decidir a situação dos demais investigados sem direito a foro privilegiado.

*AE

Leia também1 Francischini diz que se sentia ‘humilhado’ pela decisão do TSE
2 Padre é afastado por ter tido relações com noivo de fiel
3 Justiça manda IBGE incluir identidade de gênero e orientação sexual no Censo 2022
4 Ciro diz que recusará aliança com o PT, em caso de 2º turno
5 Flávio Bolsonaro ironiza Lula após "patada" em fotógrafo que tentou pegar sua "garrafa de água"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.