Leia também:
X Lula diz que terá de falar com MDB sobre Tebet ser ministra

Inserções: Web reage e levanta #RadiolaoDoPT

Assunto ficou entre os destaques do Twitter, nesta quarta-feira

Pleno.News - 26/10/2022 14h43 | atualizado em 26/10/2022 16h28

A campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL) apresentou, na terça-feira (25), um relatório afirmando que rádios do país deixaram de veicular cerca de 154 mil inserções do chefe do Executivo, que é candidato à reeleição. Somente no Nordeste, seriam 29 mil propagandas a menos que Lula (PT).

Nesta quarta-feira (26) saiu no Diário Oficial da União (DOU) a exoneração do funcionário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) responsável pela área. Trata-se de Alexandre Gomes Machado, que coordenava o recebimento das peças publicitárias e a divulgação no sistema do TSE, onde as emissoras baixam os conteúdos.

Por causa do caso, o termo #RadiolaoDoPT ficou entre os assuntos destaque no Twitter, nesta quarta. Vários usuários da rede social comentaram o episódio e também compartilharam as declarações que o chefe do Executivo deu a respeito do assunto.

Bolsonaro fez severas críticas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ao Partido dos Trabalhadores (PT) em razão de suas inserções que teriam deixado de ser exibidas em rádios das regiões Norte e Nordeste. De acordo com o candidato à reeleição, há o “dedo do PT” no caso e possível “manipulação de resultado”.

– Deixo bem claro, é um assunto do momento, mais uma do TSE. Vocês estão acompanhando as inserções do nosso partido que não foram passadas em dezenas de milhares de rádios pelo Brasil. Sou vítima mais uma vez. Onde poderiam chegar as nossas propostas, nada chegou – queixou-se durante comício em Teófilo Otoni (MG), segundo informações do Metrópoles.

Bolsonaro prosseguiu demandando explicações sobre o caso.

– Não será demitindo um servidor do TSE que o TSE vai botar uma pedra nessa situação. Aí tem dedo do PT. Não tem uma coisa errada no Brasil que não tenha dedo do PT. O que foi feito, comprovado por nós, pela nossa equipe técnica é interferência, é manipulação de resultado. Eleições têm que ser respeitadas, mas lamentavelmente, PT e TSE têm muito que se explicar nesse caso – acrescentou.

Ainda durante o comício, Bolsonaro comentou a demissão de Machado:

– O TSE quer dar por encerrado e excluído demitindo esse servidor. Ele já prestou depoimento nesta madrugada para a Polícia Federal. Vai mais além. Vai no PT. E temos também, quase que certeza, na ponta da linha eles manipularam juntos. Isso é gravíssimo, isso é fraude. Isso interfere no resultado de eleições – pontuou.

Leia também1 Bolsonaro afirma que TSE e PT devem "explicações" sobre rádios
2 Servidor do TSE afirma que foi exonerado após comunicar falha
3 Veja regras do último confronto entre Lula e Bolsonaro na TV
4 Doações a Bolsonaro triplicam no 2° turno e vão a R$ 82 milhões
5 Veja números de nova pesquisa PoderData para o 2º turno

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.