Leia também:
X Lira: “Jamais disse que decisões do STF são inconstitucionais”

Bolsonaro não pediu desculpas a Moraes durante conversa

Telefonema entre os dois foi promovido pelo ex-presidente Michel Temer

Pleno.News - 09/09/2021 19h14 | atualizado em 09/09/2021 19h54

Presidente Jair Bolsonaro e Michel Temer Foto: PR/Alan Santos

Nesta quinta-feira (9), a conversa entre o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, e o presidente da República, Jair Bolsonaro, foi “rápida, institucional e simplesmente educada”, sem pedido de desculpas por parte de Bolsonaro. A informação foi confirmada pela assessoria do ex-presidente Michel Temer.

De acordo com a assessoria de Temer, o ex-presidente teve a ideia e sugeriu que Bolsonaro ligasse para Moraes. A conversa teria sido “muito rápida” e “institucional”, segundo informações do portal UOL.

Em entrevista ao programa Brasil Urgente, da Band, Temer falou que foi à Brasília após convite de Bolsonaro. Ele confirmou que participou da elaboração da nota divulgada pelo presidente da República.

– Eu vim, trouxe um esboço de uma declaração, submeti a ele durante o almoço. Ele fez uma pequena observação. Penso que causou boa repercussão e que ele, Bolsonaro, se convenceu, definitivamente, que esse é o melhor caminho. Acho que foi bom para o país – disse.

Leia também1 Lira: "Jamais disse que decisões do STF são inconstitucionais"
2 Temer diz que escreveu a nota oficial divulgada por Bolsonaro
3 Bolsonaro e Moraes conversaram antes de Comunicado à Nação
4 Doria ironiza carta de Bolsonaro: "Leão virou rato. Grande dia"
5 “Todos sabem quem é o farsante nessa história”, diz Barroso

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.