Leia também:
X Polícia fará nova perícia no Hospital Badim nesta terça

Temer afirma que não apoiou impeachment de Dilma

Ex-mandatário também se declarou inocente das acusações feitas pelo Ministério Público Federal

Pedro Ramos - 17/09/2019 10h36 | atualizado em 17/09/2019 10h59

Michel Temer e Dilma Rousseff Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

Na última segunda-feira (16), o ex-presidente Michel Temer deu entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, e disse que não apoiou o impeachment de Dilma Rousseff. Ele ainda revelou que não havia apoio dentro do MDB para sustentar o governo petista.

– Eu jamais apoiei ou fiz empenho pelo golpe. Eu não poderia ser o articulador de um golpe porque chegaria muito mal no governo – declarou o ex-presidente.

Os apresentadores mostraram uma transcrição de uma conversa de Lula pedindo a Dilma uma reaproximação com o MDB. O ex-mandatário aproveitou para dizer que isso atesta que ele não trabalhou pelo impeachment.

Em relação a sua prisão em março e as acusações na Lava Jato, Temer se disse inocente. Neste episódio, o Ministério Público Federal acusou o ex-presidente; Maristela, filha de Temer; João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, e a esposa dele, Maria Rita Fratezi, de lavar R$ 1,6 milhão de origem supostamente ilícita. A acusação diz que coronel Lima teria pago por reformas na casa de Maristela.

Leia também1 Raquel Dodge deixa cargo e interino assume antes de Aras
2 PSL deixa bancada de Witzel na Assembleia Legislativa
3 Bolsonaro: 'Petrobras não irá elevar o preço do combustível'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.