Leia também:
X Padre quebra pedras usadas em viaduto contra moradores de rua

STF quer investigação sobre venda de dados de ministros

Fux considerou "gravíssimo" o vazamento de dados de milhões de brasileiros

Pleno.News - 02/02/2021 16h16 | atualizado em 02/02/2021 16h25

Ministro Luiz Fux, presidente do Supremo Tribunal Federal Foto: STF/Nelson Jr

Nesta segunda-feira (1º), o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, pediu providências sobre a venda de dados pessoais de magistrados da Corte. Segundo nota emitida pelo STF, foram enviados ofícios ao ministro da Justiça, André Mendonça, e ao ministro Alexandre de Moraes, relator do Inquérito (INQ) 4781, que apura ofensas e ameaças aos ministros do STF.

Fux considera “gravíssimo o vazamento anunciado de dados de milhões de brasileiros, inclusive com informações sobre as relações familiares”.

Publicação do STF Foto: Reprodução

Leia também1 Dados de Bolsonaro e ministros do STF estão à venda na internet
2 Página mostra quem teve dados expostos em vazamento de CPFs
3 Alerta! Vazamento de dados de brasileiros inclui salários e fotos
4 Vazamento expõe dados pessoais de 220 milhões de brasileiros
5 Hackers usam 'imagem' do diabo para celebrar ataque ao TRF-1

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.