Leia também:
X PT celebra vitória de Daniel Ortega, ditador da Nicarágua

STF: Nunes Marques é ministro que menos aceita habeas corpus

Marques foi indicado por Jair Bolsonaro

Pierre Borges - 10/11/2021 12h54 | atualizado em 10/11/2021 13h03

Ministro Kassio Nunes Marques, do STF Foto: STF/Nelson Jr

Após um ano desde que tomou posse do cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Kassio Nunes Marques se revelou o membro da Corte que menos concedeu pedidos de Habeas Corpus (HC). Um levantamento mostrou que, até o dia quatro de novembro, o ministro havia atendido há apenas 29 pedidos do tipo.

O levantamento feito pelo site Poder360 aponta uma diferença de 200 decisões em relação ao ministro Edson Fachin, quem mais concedeu HC durante o mesmo intervalo. A pesquisa não contabilizou as decisões do presidente do Supremo, Luiz Fux, uma vez que o mesmo não julga pedidos de HC, exceto durante os recessos do Judiciário.

O gabinete de Nunes Marques, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para substituir Celso de Mello, informou ainda ao site que o baixo índice reflete o cumprimento da súmula 691, que determina que “não compete ao Supremo Tribunal Federal conhecer de habeas corpus impetrado contra decisão do Relator que, em Habeas Corpus requerido a tribunal superior, indefere a liminar”.

Confira a seguir quantos Habeas Corpus cada ministro do Supremo concedeu nos últimos 12 meses:

10º – Nunes Marques: 29.

9º – Marco Aurélio Mello (aposentado em julho deste ano): 59.

8º – Ricardo Lewandowski: 75.

7º – Luís Roberto Barroso: 80.

6º – Alexandre de Moraes: 81.

5º – Dias Toffoli: 92.

4º – Rosa Weber: 95.

3º – Cármen Lúcia: 152.

2º – Gilmar Mendes: 225.

1º – Edson Fachin: 229.

Leia também1 PT celebra vitória de Daniel Ortega, ditador da Nicarágua
2 Deputado chama advogadas de Bolsonaro para processar Omar
3 Jair Bolsonaro espera privatizar "monstrengo" da Petrobras
4 Leia a íntegra do discurso de Moro na filiação ao Podemos
5 Daniela Lima zomba de medida de Mário Frias para Lei Roaunet

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.