Leia também:
X Conselho de Ética aprova perda de mandato de Flordelis

STF irá analisar suspensão da Copa América na quinta-feira

Ministra Cármen Lúcia pediu ao presidente da Corte, Luiz Fux, que marque sessão do plenário para analisar o tema

Henrique Gimenes - 08/06/2021 16h54 | atualizado em 08/06/2021 18h05

STF deve julgar ação sobre a Copa América nesta semana Foto: Divulgação

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), quer que o plenário da Corte analise, na próxima quinta-feira (10), a análise de duas ações que tratam da suspensão da Copa América no Brasil. Ela pediu ao presidente do tribunal, ministro Luiz Fux, que marque para esta semana o julgamento em uma sessão virtual extraordinária do plenário.

A abertura da Copa América está marcada para este domingo (13).

Uma das ações foi apresentada ao Supremo pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB). Já a outra é de autoria da Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos.

No despacho, Cármen Lúcia apontou uma “excepcional urgência e relevância do caso” e ainda a “necessidade de sua célere conclusão”, de modo que os votos dos ministros sejam dados em 24 horas.

“Solicito ao eminente Ministro Presidente a instalação de sessão virtual extraordinária, nos termos do art. 5º-B, § 1º, da Resolução n. 642/2019 deste Supremo Tribunal, para análise do Plenário no dia 10 de junho de 2021, com duração de 24 horas, tendo o início à 00h00min e término às 23h59min”, escreveu a ministra.

Os advogados do PSB e a Advocacia-Geral da União (AGU) poderão fazer sustentações orais antes que os ministros apresentem seus votos.

Leia também1 Casagrande critica manifesto de atletas e pede atitude de homem
2 Presidente interino da CBF diz que vai manter Tite na Seleção
3 Queiroga diz que Copa América não exigirá vacinação de atletas
4 OMS pede para Brasil avaliar os riscos de sediar a Copa América
5 Bolsonaro nega interferência em técnico ou jogadores da Seleção

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.