Leia também:
X Esposa de jornalista faz apelo emocionado: “Intensifiquem as buscas”

STF: 2ª Turma barra suspensão da cassação de Francischini

Deputado havia sido cassado pelo TSE, mas decisão acabou sendo suspensa pelo ministro Nunes Marques

Henrique Gimenes - 07/06/2022 17h24 | atualizado em 07/06/2022 21h01

STF derruba decisão que devolveu o mandato ao deputado Fernando Francischini Foto: Alex Ferreira / Câmara dos Deputados

Nesta terça-feira (7), a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) julgou uma decisão do ministro Nunes Marques que devolveu o mandato ao deputado estadual Fernando Francischini (União-PR). E por 3 votos a 2, os ministros derrubaram a medida.

A decisão de Nunes Marques foi dada na semana passada, quando suspendeu a determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que cassou o mandato de Francischini por divulgar supostas notícias falsas sobre as urnas eletrônicas.

Para o ministro do STF, não era possível afirmar que a transmissão ao vivo feita por Francischini sobre as urnas havia impactado a eleição. Além disso, Nunes Marques também apontou que a soberania popular deveria ser respeitada.

Nunes Marques foi acompanhado em seu voto na Segunda Turma pelo ministro André Marques. Já os ministros Edson Fachin, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes votaram contra, o que derrubou a decisão do relator e manteve a cassação de Fernando Francischini.

Em seu voto, Fachin apontou que “a existência de um debate livre não compreende o salvo-conduto para agir, falar ou escrever afirmações notoriamente falsas ou sabidamente sem fundamentos que só visam tumultuar o processo eleitoral. Não existe direito fundamental em atacar a democracia”.

Leia também1 Nunes Marques "ignora" Fux e coloca decisão que devolveu mandato a deputado na pauta da 2ª Turma
2 Caso Francischini: MP pede que Nunes Marques mude decisão
3 Afastado por Lira, petista diz acreditar que voltará ao cargo
4 Merval, da Globo, chama Nunes Marques de "pau mandado"
5 Francischini diz que se sentia ‘humilhado’ pela decisão do TSE

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.