Leia também:
X Moraes intima Carla Zambelli e mais sete políticos a depor

Sara Winter diz que Moraes é “covarde” e que não se calará

Ativista falou sobre a operação que apreendeu celular e computador na casa dela

Paulo Moura - 27/05/2020 11h22 | atualizado em 27/05/2020 12h57

Sara Winter Foto: Reprodução

A ativista Sara Winter falou na manhã desta quarta-feira (27), sobre a operação da Polícia Federal motivada pelo inquérito do Supremo Tribunal Federal que investiga a produção de notícias falsas e ofensas ao Supremo Tribunal Federal. Na ação, Sara foi alvo de mandado de busca e apreensão.

Em sua declaração, Sara chamou o ministro Alexandre de Moraes, responsável pelo inquérito, de “covarde” e ainda declarou que não vai se calar diante da operação.

– A Polícia Federal acaba de sair da minha casa. Bateram aqui às 6h da manhã a mando do Alexandre de Moraes. Levaram meu celular e notebook. Estou praticamente incomunicável! Moraes, seu covarde, você não vai me calar!! – declarou.

Sara é apoiadora do presidente Jair Bolsonaro e uma das líderes do grupo “300 do Brasil”, que chegou a montar um acampamento, durante a quarentena, em Brasília.

Leia também1 Moraes intima Carla Zambelli e mais sete políticos a depor
2 "Não tenho nada a esconder", diz Hang sobre operação da PF
3 Hang e Allan dos Santos viram alvo de ação da PF sobre fakes
4 Operação da PF contra fake news mira Roberto Jefferson
5 "Vai ter mais", diz Bolsonaro sobre operações anticorrupção

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.