Leia também:
X Crítico de “Homenzinho Torto” participa da posse de Lula

Saiba quem são os cidadãos que passaram a faixa para Lula

Ex-presidente Jair Bolsonaro não cumpriu protocolo de passar o adereço ao sucessor

Pleno.News - 01/01/2023 19h39 | atualizado em 02/01/2023 12h27

Passagem da faixa presidencial para Lula Foto: EFE/ Sebastiao Moreira

Com a ausência do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que viajou para os Estados Unidos nesta sexta-feira (30), o presidente empossado Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu a faixa presidencial de uma mulher negra catadora.

Aline Sousa faz parte da secretaria Nacional da Mulher e Juventude da Unicatadores e tem 33 anos. Além dela, seis outros representantes da sociedade civil acompanharam o petista durante a cerimônia – entre eles, uma pessoa com deficiência que é ativista da causa anticapacista, e o cacique Raoni.

Ao lado da esposa Janja da Silva, o petista subiu a rampa com a cadela Resistência, que foi adotada por militantes durante a vigília petista em frente à sede da Polícia Federal no Paraná. Veja quem são eles:

ALINE SOUSA
Responsável por passar a faixa presidencial para Lula, Aline Sousa tem 33 anos, é mãe de sete filhos e faz parte da terceira geração de catadores da família. Ela faz parte da secretaria Nacional da Mulher e Juventude da Unicatadores, do Movimento Nacional de Catadoras, que representa a classe no Distrito Federal.

CACIQUE RAONI
O cacique kayapó Raoni Metuktire, que tem 90 anos, é defensor da pauta do Meio Ambiente e da preservação da Amazônia. Ao longo de 2019, o ex-presidente Jair Bolsonaro trocou diversas farpas com Raoni.

WESLLEY VIESBA RODRIGUES ROCHA
Weslley, de 36 anos, é metalúrgico do ABC. Nasceu em Diadema e é pais de dois filhos. DJ, ele tem um grupo de rap chamado Falange.

MURILO DE QUADROS JESUS
Murilo, que tem 28 anos, é professor formado em Letras, em Português e Inglês. Ele estudou na Universidadede Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR).

JUCIMARA FAUSTO DOS SANTOS
A paranaense Jucimara trabalha com culinária e participou por dez meses da vigília Lula Livre, em Curitiba, que acompanhou o petista enquanto estava preso.

IVAN BARON
Ivan Baron é uma pessoa com deficiência. Aos 3 anos, teve meningite viral, que causou uma paralisia cerebral. Baron é um influenciador digital que luta na causa anticapacitista.

O jovem tem muita relevância no TikTok e viralizou em agosto de 2022 ao fazer um vídeo dizendo que a música Homenzinho Torto, sucesso na voz da cantora gospel Aline Barros, é uma música “capacitista”.

FLÁVIO PEREIRA
O paranaense Flávio é artesão e acompanhou e ajudou petistas que estiveram na vigília por Lula durante os 580 dias de prisão em Curitiba.

FRANCISCO
Francisco tem 10 anos e faz natação. Ele compete pela categoria mirim do Corinthians e venceu o campeonato da Federação Aquática Paulista da 1ª região e é filho de uma assistente social e um advogado. Seu sobrenome não foi divulgado pela equipe.

*AE

Leia também1 Lula sobe a rampa com indígena, negro, deficiente físico e pet
2 Confira na íntegra o discurso de posse feito por Lula na Câmara
3 Religiões afros e grupos LGBTs terão destaque no governo Lula
4 Ex-ministra de Bolsonaro vai à posse e cumprimenta Lula
5 Lula dedica início de sua fala na posse a atacar Jair Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.