Leia também:
X Decretos de armas: Fachin e outros 3 votam por suspensão

Roberto Carlos apela ao Supremo Tribunal Federal contra Tiririca

Em campanha, humorista imita "acesso de raiva" do cantor em um show

Monique Mello - 16/09/2022 13h47 | atualizado em 16/09/2022 14h53

Tiririca parodia Roberto Carlos Foto: Reprodução/Vídeo redes sociais

O cantor Roberto Carlos recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para impedir que o deputado federal Tiririca (PL-SP) parodie uma de suas músicas. O apelo ao Supremo é após o Tribunal de Justiça de São Paulo decidir em favor do parlamentar.

O cantor trava batalha judicial contra o humorista desde 2014, quando Tiririca usou pela primeira vez a música em uma propaganda sua. Na campanha deste ano, em busca de seu quarto mandato, Tiririca parodiou a canção O Portão em um vídeo no qual ela imita um acesso de raiva que o artista teve em um show, mandando uma fã calar a boca.

– De gosto duvidoso ou não, não se pode esquecer de que se trata de propaganda destinada à eleição de cargo junto ao Poder Executivo [sic], de modo que, em confronto com o direito à honra e imagem individuais do autor, o direito coletivo e democrático ao voto e às ferramentas que permitam seu adequado exercício merece, em sede liminar, maior proteção – escreveu o juiz Guilherme Madeira Dezem, na decisão do TJ-SP.

Na ação encaminhada ao STF, a defesa de Roberto Carlos alega que o vídeo de campanha “induz os eleitores e o público em geral ao erro, causando uma associação indevida entre Tiririca e Roberto Carlos, gerando danos à reputação do músico”. Além da remoção do conteúdo, é solicitada uma indenização de R$ 50 mil por danos morais.

A defesa ainda afirma que o cantor “vem exercendo o direito de não se posicionar publicamente em apoio a qualquer político ou partido às vésperas da eleição. Entretanto, contra sua vontade, sua imagem vem sendo atrelada à campanha do réu”.

No Supremo, o caso está nas mãos do ministro Ricardo Lewandowski, e tramita em segredo de Justiça.

Leia também1 Justiça eleitoral manda tirar do ar propaganda de Kid Bengala por ferir ‘moral e bons costumes’
2 Festival de cinema cancela homenagem a José Dumont
3 Janja 'alfineta' Michelle e diz que não será ajudadora de Lula
4 Homem é acusado de fingir ser jogador para cometer abusos
5 Diretor de Tropa de Elite diz que Sergio Moro é um "cara burro"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.