Leia também:
X Gleisi é condenada a indenizar Hang ao acusá-lo de sonegação

Revoltado, Dallagnol desabafa sobre perder para Lula na Justiça

Ex-procurador de República terá que indenizar o petista

Monique Mello - 23/03/2022 12h22 | atualizado em 23/03/2022 12h37

Deltan Dallagnol desabafou em vídeo Foto: Reprodução/YouTube Deltan Dallagnol

O ex-procurador da República Deltan Dallagnol reagiu com revolta à decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de condená-lo a indenizar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) por danos morais.

Dallagnol publicou em suas redes sociais na noite desta terça-feira (22), dia da sentença do STJ, um vídeo no qual manifesta toda a sua indignação.

– Pessoal, estou indignado com o sistema de Justiça! Os meus advogados estão estarrecidos. Indignado! Vou ter que indenizar Lula por causa da Lava Jato! – disse Dallagnol.

A Quarta Turma do STJ determinou que o ex-procurador indenize o ex-presidente Lula em R$ 75 mil devido à apresentação em PowerPoint que ligava o petista a esquemas de corrupção.

– Gente, se eu estou acusando alguém de um crime, que existem provas contra ele de que ele praticou o crime, é claro que dizer isso é desabonador – destaca.

– Brasileiros, entendam: é isso que acontece quando você dá a cara a tapa e luta contra a corrupção e a injustiça no Brasil. Essa é a reação do sistema, nua e crua. O Lula está saindo impune, impune! E nós estamos pagando o preço da corrupção – continua Dallagnol.

O ex-procurador questiona também se outros brasileiros vão se dispor a lutar contra a corrupção.

– Quem que vai querer sofrer esse tipo de represália? Trabalhar contra a corrupção? A Lava Jato acabou? O combate à corrupção está virando cinzas? Corruptos tiveram seus casos anulados pelo STF, querem voltar às urnas e procuradores são punidos por fazer o seu trabalho – disparou.

Leia também1 STJ decide que Deltan Dallagnol deve indenizar Lula
2 Pesquisa aponta diferença de 8 pontos entre Lula e Bolsonaro
3 Mourão defende Milton Ribeiro, mas cobra esclarecimentos
4 Fachin cobra que Telegram entre em programa contra fake news
5 Para Alckmin, é improvável que Lula seja eleito no 1º turno

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.