Leia também:
X Juíza processa jornalista que criticou soltura de traficantes

Revista Crusoé ataca Bolsonaro e o chama de “Capitão Factoide”

Publicação acusa o chefe do Executivo de "apostar no conflito" para "manter seus apoiadores mobilizados"

Paulo Moura - 27/08/2021 11h08 | atualizado em 27/08/2021 11h42

Revista Crusoé traz ataque a Bolsonaro em edição atual Foto: Divulgação/Crusoé

Conhecida por frequentemente criticar o presidente Jair Bolsonaro, a revista Crusoé, que faz parte do grupo criador do site O Antagonista, traz em sua matéria de capa desta semana um novo ataque ao chefe do Executivo. Com o título Capitão Factoide, a publicação acusa o líder de “apostar no conflito” para “manter seus apoiadores mobilizados”.

No texto, a revista acusa Bolsonaro de “investir, sem sucesso, contra a independência do Congresso Nacional no debate sobre o voto impresso” e de “criar um clima de ruptura institucional, com os ataques ao Supremo Tribunal Federal”. A publicação ainda diz que o presidente e seus aliados “passaram a investir no que seria uma espécie de insurgência das forças de segurança”.

– O novo movimento [a suposta insurgência policial] ocorre às vésperas do feriado da Independência, quando apoiadores do atual ocupante do Planalto prometem sair às ruas. A tensão em torno do 7 de Setembro vem mobilizando parlamentares, governadores e autoridades do Judiciário, que se uniram para ampliar a vigilância sobre as tropas e evitar eventuais rebeliões – afirma a revista.

Vale lembrar que, há menos de um mês, o próprio Diogo Mainardi, um dos criadores do portal O Antagonista, publicou um artigo no site defendendo que Bolsonaro fosse afastado do cargo de presidente e preso. Na ocasião, o jornalista acusou Bolsonaro de “jogar fora as vacinas oferecidas pela OMS”.

Leia também1 Juíza processa jornalista que criticou soltura de traficantes
2 Jair Bolsonaro rebate Lula sobre comparação com Maduro
3 Deputada do PSOL celebra ato de vandalismo contra estátua no RJ
4 Justiça nega indenização a Lula por reportagem da revista IstoÉ
5 STJ derruba liminar que impedia construção do Museu da Bíblia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.