Leia também:
X Nova PEC limita poderes de ministros do STF

Randolfe quer Guimarães no Senado por acusações de assédio

Senador apresentou requerimento de convocação do presidente da Caixa Econômica Federal

Henrique Gimenes - 29/06/2022 14h32 | atualizado em 29/06/2022 15h20

Senador Randolfe Rodrigues Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Após a divulgação de que o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, teria cometido assédio sexual contra funcionárias do banco, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) decidiu entrar em ação. Em suas redes sociais, o parlamentar afirmou que apresentou um requerimento de convocação de Guimarães à Comissão de Direitos Humanos do Senado.

– Depois de uma semana de notícias devastadoras sobre violência sexual, surge mais uma! São graves as acusações contra Pedro Guimarães, presidente da Caixa, indicado de Bolsonaro. Acabei de pedir a convocação de Guimarães na Comissão de Direitos Humanos – escreveu.

DENÚNCIAS
O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, está sendo acusado por funcionárias do banco estatal de ter praticado assédio sexual contra elas em diversos episódios. De acordo com o site Metrópoles, que divulgou os relatos, o Ministério Público Federal (MPF) abriu uma investigação para apurar a conduta de Guimarães com as colaboradoras.

Na reportagem, várias mulheres relataram toques íntimos não autorizados e abordagens inadequadas que teriam sido praticadas por Guimarães. Em um dos relatos, uma funcionária diz que Guimarães teria passado a mão em suas nádegas. Além disso, colaboradoras contaram que o presidente do banco teria feito comentários constrangedores em diversas situações.

Leia também1 Moraes envia pedido de Randolfe contra Bolsonaro para a PGR
2 Oposição irá ao STF caso Pacheco não instale a CPI do MEC
3 CPI do MEC: Os próximos passos para legitimar investigação
4 Veja quais senadores assinaram pedido para criar CPI do MEC
5 Oposição entrega requerimento de abertura da CPI do MEC

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.