Leia também:
X ‘Soltaram traficantes e o STF não fez nada’, critica Malafaia

Quem é Carlos Nadalim, cotado para assumir o MEC

Secretário de alfabetização é o nome mais forte para substituir Weintraub

Pleno.News - 18/06/2020 17h02 | atualizado em 18/06/2020 17h23

Carlos Nadalim é o nome mais forte para assumir o lugar de Weintraub Foto: Divulgação

Com a saída de Abraham Weintraub do Ministério da Educação (MEC), especula-se que o nome mais forte para assumir a pasta seja o do atual secretário de alfabetização, Carlos Nadalim.

Nadalim chegou ao cargo por indicação do escritor Olavo de Carvalho, ainda na equipe do ex-ministro Ricardo Vélez Rodríguez – quando este foi demitido, também houve campanha para que Nadalim fosse nomeado ministro.

Nome forte na militância, Nadalim não tem, por outro lado, nem apoio de militares, nem respaldo do Congresso – partidos do centrão, que agora apoiam o governo, também articulam para emplacar o substituto.

Outra nome que tem ganhado força, mas não se coloca como o principal, é o do presidente da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), Benedito Aguiar.

Com histórico acadêmico, ele conta com simpatia da bancada evangélica e ainda tem certa proximidade com o ministro do STF Alexandre de Moraes, que lecionou no Mackenzie quando Aguiar foi reitor da universidade.

Aguiar já foi presidente do Crub (Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras) e da Associação Brasileira de Instituições Educacionais Evangélicas.

Também são avaliados, ainda dentro do MEC, a secretária de Educação Básica, Ilona Becskeházy, e o secretário-executivo Antonio Vogel. Ambos são vistos mais como opções temporárias.

Ilona tem apoio de olavistas e do próprio Nadalim. Vogel foi o responsável pela escolha da maioria da equipe de Weintraub e, como número dois da pasta, teria condições mais seguras de continuidade dos trabalhos.

*Folhapress

Leia também1 Abraham Weintraub deixa o Ministério da Educação
2 Em #WeintraubOBrasilTeAma web mostra apoio ao ministro
3 STF forma maioria para seguir com inquérito das fake news
4 Bolsonaro: Weintraub 'não foi prudente' em ato contra STF
5 "Querem me calar", protesta Weintraub por causa de multa

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.