Leia também:
X Bolsonaro diz que errou sobre TCU, mas ressalta supernotificação

Queiroga diz que é ministro da Saúde, não censor do presidente

Na CPI, ministro é questionado sobre "aglomerações" de Bolsonaro

Pleno.News - 08/06/2021 12h17 | atualizado em 08/06/2021 12h53

Marcelo Queiroga, ministro da Saúde Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Em resposta ao relator, senador Renan Calheiros (MDB-AL), na CPI da Covid nesta terça-feira (8), o ministro da Saúde Marcelo Queiroga afirmou não ser “censor” do presidente da República. Renan havia mostrado anteriormente um vídeo com episódios de aglomerações envolvendo Bolsonaro, chamando Queiroga de “omisso”.

O ministro da Saúde disse já ter falado com o presidente sobre o assunto. Quando questionado o que o mandatário teria falado nesses encontros, Queiroga disse que, em sua presença, Bolsonaro usa máscara na grande maioria das vezes. O titular da Saúde afirmou também que orienta o presidente sobre essas questões.

– Evidente que sim. Já informei que conversei com o presidente sobre esse assunto – disse Queiroga.

– É um ato individual. As imagens falam por si só. Estou aqui como ministro para ajudar o país, e não vou fazer juízo de valor a respeito da conduta do presidente da República – afirmou Queiroga, que disse ainda que as recomendações sanitárias “estão postas” e que cabe a todos aderir a essas medidas.

*Estadão

Leia também1 CPI da Covid marca depoimento de oito governadores. Confira
2 Queiroga reforça ter confiança de Bolsonaro na pandemia
3 Bolsonaro diz que errou sobre TCU, mas ressalta supernotificação
4 Estudo: Cepa indiana é 50% mais transmissível que a britânica
5 China desenvolve nova vacina contra a Covid-19 por inalação

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.