Leia também:
X Rosa Weber será relatora da ação de governadores contra CPI

PT planeja ir ao STF para evitar Copa América no Brasil

Afirmação foi feita pelo deputado federal Alexandre Padilha

Henrique Gimenes - 31/05/2021 17h53 | atualizado em 31/05/2021 18h36

PT planeja ir ao STF para evitar Copa América no Brasil Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (31), o deputado federal Alexandre Padilha (PT-SP) afirmou que o Partido dos Trabalhadores (PT) pretende acionar o Supremo Tribunal Federal (STF) para evitar que a Copa América seja realizada no Brasil. O parlamentar anunciou a intenção do PT nas redes sociais.

Inicialmente, o evento estava marcado para ocorrer na Colômbia e na Argentina. No entanto, devido aos protestos em solo colombiano, a Colômbia acabou sendo retirada da organização do evento. Nesta semana, a Conmebol decidiu retirar a Argentina devido à situação da pandemia de Covid-19 no país. Com isso, o Brasil acabou sendo definido como o responsável por sediar o torneio, que irá acontecer entre os dias 11 de junho a 10 de julho.

Ao anunciar a intenção do PT de acionar o Supremo, o deputado chamou a realização do evento no país de “absurdo do governo Bolsonaro”.

– Conversei com a presidente [do PT] Gleisi Hoffmann, e o PT ingressará no STF contra mais esse absurdo do governo Bolsonaro que busca realizar a Copa da Morte no Brasil. Continuaremos defendendo a vida, a vacinação ampla e irrestrita e medidas que busquem controlar a disseminação de novas cepas e a segurança para o povo – escreveu.

Leia também1 Comentarista da Globo reclama de Copa América no Brasil
2 CPI: Randolfe se revolta e pede convocação do presidente da CBF
3 Renan Calheiros critica Copa América no Brasil: "Escárnio"
4 Para Mourão, Brasil sediar Copa América não é um problema
5 Copa América: Conmebol agradece a Bolsonaro e à CBF

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.