Leia também:
X Queiroz é preso no interior de SP durante operação policial

Polícia faz buscas em casa de servidora de Flávio Bolsonaro

Ação faz parte de investigação contra um suposto esquema de rachadinha na Alerj

Paulo Moura - 18/06/2020 08h17 | atualizado em 18/06/2020 11h11

Agentes do MPRJ fazem buscas em casa no bairro de Bento Ribeiro Foto: Reprodução

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro cumprem, na manhã desta quinta-feira (18), um mandado de busca e apreensão na casa de uma funcionária do senador Flávio Bolsonaro, localizada no bairro de Bento Ribeiro, Zona Norte do Rio de Janeiro.

A moradora da casa era Alessandra Esteves Marins, ligada ao gabinete de Flávio, porém vizinhos contaram que ela se mudou do imóvel há cerca de um mês. Alessandra também foi um dos alvos da operação policial desta manhã que resultou na prisão do ex-assessor Fabrício Queiroz na cidade de Atibaia, em São Paulo.

Segundo as autoridades, a ação faz parte do desdobramento das investigações que apuram um suposto esquema de “rachadinha” na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), em que o nome de Flávio Bolsonaro é citado.

Na casa, a ação de busca e apreensão durou cerca de uma hora. Ao final, os agentes saíram carregando duas sacolas, mas não deram detalhes do material que foi apreendido.

Leia também1 Queiroz é preso no interior de SP durante operação policial
2 Bolsonaro pode anunciar saída de Weintraub em vídeo
3 Bolsonaro recebe Alexandre Pato e Felipe Melo no Planalto
4 Bolsonaro critica abusos do STF: "E ainda acusam a mim"
5 Felipe é condenado por post contra presidente da Funai

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.