Leia também:
X Após renúncia, Leite disputará novamente o governo do RS

PGR pede prisão domiciliar para homem que criticou o Supremo

Polícia Federal pediu a prisão preventiva de Ivan Rejane Fonte Boa Pinto

Paulo Moura - 31/07/2022 15h50

Ivan Rejane Foto: Reprodução/Youtube

A vice-procuradora-geral da República Lindôra Araújo defendeu neste domingo (31), ao Supremo Tribunal Federal (STF), que seja colocado em prisão domiciliar o homem detido no último dia 22 de julho por publicar vídeos em que falou em “pendurar os ministros de cabeça para baixo” e caçar políticos de esquerda.

A avaliação de Lindôra, braço-direito do procurador-geral da República, Augusto Aras, é a de que, “não obstante a gravidade das condutas perpetradas” por Ivan Rejane, “medidas cautelares diversas da prisão preventiva são suficientes para impedir a reiteração delitiva e assegurar a eficácia da investigação”.

A Polícia Federal havia requerido a prisão preventiva (sem prazo determinado) de Ivan Rejane Fonte Boa Pinto, autointitulado Terapeuta Papo Reto. Já a vice-PGR, pede, além da prisão domiciliar com monitoramento eletrônico, que sejam determinados: o bloqueio de canais digitais e de grupos no Instagram e WhatsApp.

Além disso, Lindôra solicita a proibição de uso das redes sociais e de quaisquer canais digitais de Ivan; a vedação de concessão de entrevistas; a proibição de criação de listas de transmissão por aplicativos; e a proibição de proferir discursos de ódio e de grave ameaça a ministros do STF e a agentes políticos.

A Polícia Federal havia solicitado a prisão preventiva de Ivan Rejane sob o argumento de que o “método” usado pelo investigado “tem a capacidade concreta de atrair a adesão de outras pessoas para sua empreitada delitiva e risco de ocorrência de prática de ações violentas em período pré-eleitoral”.

*AE

Leia também1 Após renúncia, Leite disputará novamente o governo do RS
2 Monkeypox: Nova Iorque declara estado de emergência
3 STF: Indicados por Bolsonaro são os que mais crescem no Twitter
4 Michel Temer é vaiado durante convenção de Ibaneis Rocha
5 Eduardo diz que traíras e ladrões se uniram contra Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.