Leia também:
X Weintraub começa a trabalhar no Banco Mundial: ‘Gostando’

PF faz operação em 3 estados e no DF contra desvios na saúde

Ação mira fraudes na saúde no Rio de Janeiro e em São Paulo, envolvendo órgãos federais

Paulo Moura - 06/08/2020 07h34 | atualizado em 06/08/2020 07h44

Polícia Federal durante operação Foto: Reprodução/Wikimedia Commons

A Polícia Federal realiza na manhã desta quinta-feira (6) a Operação Dardanários, que mira desvios na Saúde no Rio de Janeiro e em São Paulo, envolvendo órgãos federais, e é um desdobramento da Lava Jato. Os mandados, expedidos pelo juiz federal Marcelo Bretas, são executados em Petrópolis (RJ), São Paulo, São José do Rio Preto (SP), Goiânia (GO) e Brasília (DF).

Até 7h30, três pessoas haviam sido presas nas ações. Ao todo, a PF cumpre seis mandados de prisão e 11 de busca e apreensão. De acordo com a Polícia Federal, os agentes identificaram um “conluio entre empresários e agentes públicos, que tinham por finalidade contratações dirigidas“.

A ação realizada nesta quinta é um desdobramento de investigações realizadas no âmbito das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS. Os detidos vão responder pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

A identificação dos detidos nesta quinta ainda não foi divulgada, mas já se sabe que o alvo localizado em Petrópolis, região serrana do RJ, foi preso. O nome escolhido para a operação, dardanários, é inspirado no significado do termo: “agentes ‘de negócios’, atravessadores que intermediavam as contratações dirigidas”.

Leia também1 Weintraub começa a trabalhar no Banco Mundial: 'Gostando'
2 Ibope: CNN Brasil despenca 19 posições e acende alerta
3 Zambelli pede apoio para que Felipe Neto não vá à Câmara
4 Ministro Celso de Mello pode passar por nova cirurgia
5 Pastor critica música que ataca apoiadores de Bolsonaro

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.